sábado, 31 de agosto de 2013

Procura-se

  “Por um lado, há casos de trabalhadores que se acham qualificados demais para determinadas vagas. Por outro, há empresas que não encontram o perfil de funcionário que buscam.” [Folha]
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
  Eu entendo bem isso. Por vezes passamos por um processo de seleção tão rigoroso, com tantas exigências que acreditamos que o serviço na Empresa será algo desafiante e acima de tudo rentável.
 Deparamos com um salário mixuruca com chances remotas de alguma promoção.
 O serviço então, qualquer pessoa com um pouco de treinamento especifico de uma semana pode fazer, basta saber ler e escrever.
  Esse falado “perfil” que as Empresas buscam é outro enigma para mim. 
  Elas querem dedicação, comprometimento, busca de metas, motivação…enfim querem que amemos a Empresa e demos até a vida por ela; acontece que a empresa não se obriga a essas coisas, a maioria dos discursos ficam só no campo das boas intenções que nunca se realizam a não ser por força de alguma lei.

  A maioria das promoções “boas”, aquelas que realmente valem a pena são fruto de política e não de desempenho, se você se acertou na panelinha certa, tudo bem, se não se acertou em nenhuma panelinha ou escolheu a panelinha que não emplacou…azar o seu.

  Tem aquelas promoções por desempenho, mas muitas vezes é um caso sério a se pensar, você ganha tantas responsabilidades, tanta pressão, por um aumento de 20 ou 30 por cento no salário [quando chega a isso] é o tipo de “promoção” que se não estivesse sempre tão carente de capital acredito que nem aceitaria.
  Hã? Diante desta complexidade que conselho eu lhe daria? Vamos ver?
  To be continued…

  "Josué Carvalho dos Santos, pedreiro, sete anos de estudo, não fica sem trabalho há quase uma década. Janaína Alves, auxiliar de escritório, ensino médio completo, procura emprego há meses.
  As diferentes trajetórias revelam o novo perfil do desemprego no Brasil. Em 2010, 60% dos desempregados tinham 11 anos ou mais de estudo, e 33,6%, até oito anos." [Folha]


anterior                       <>                                próximo

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Mosquito e a Aranha

  “Presume-se que a mulher deve esperar, imóvel, até ser cortejada. Mais ou menos como a aranha espera a mosca.” [Bernard Shaw]
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
  HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!
  É vero. Vejo homens se gabando de “pegar” uma mulher, daí como não presto me divirto um pouco.

  Ela foi forçada a transar com você ou transou por prazer? 
  – “Por prazer, acho.”

  Ela te levou com o carro dela? 
  – “Não, fui com o meu.”

  Ela pagou o combustível? 
  –”Claro que não.”

  Ela pagou o lanche? 
  – “Não. Foi eu que paguei.”

  Então ela pagou o motel? 
  – “Também não.”

 Você sabe que se ela não te achou bom de cama irá comentar com a melhor amiga e a amiga falará para outras? 
  – “É, eu sei.”
ºººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººº
  Resumindo:  A mulher estava afim de transar, escolheu você que foi busca-la na porta de casa, pagou tudo, se o seu desempenho sexual não foi bom será motivo de piada, você teve que ser criativo no dialogo porquê é o homem que tem “obrigação” de ter um bom papo. Se ela gostou de você agora você tem a obrigação de namorar com ela, mas se ela não te curtiu muito…tiau, tiau OTÁRIO! HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!
  QUEM PEGOU QUEM?



▬▬▬//▬▬

 “Gostei da reflexão, más só homens castrados aguem assim...
  Os babacas domados do tipo feminismo...
  Estes são os trouxas que vão pagar caro por uma Puta disfarçada e interesseira qualquer.
  Sem o Mínimo de auto estima este coitado vai se prestar a uma relação de merda porque não se porta como um homem [Comentarista no G+] 
▬▬▬▬▬
 Humm ... mas “culturalmente” nós não temos muita escapatória.

  Não me lembro de nenhuma mulher que eu saí ter pago alguma coisa para mim.

  Imagine, eu me interesso por uma mulher, a convido para sair e aviso: “Cada um paga o seu.”

  Você está convencendo a mulher a ir para o motel com você e o toque final é “Você paga” .... HAHAHAHAHAHAHAHAHAH!

  Esse meu texto não foi para atacar a Cultura vigente, foi apenas para tornar as relações mais “conscientes”.

  Não tem essa história que “o homem fez mal para moça” ou “que mulher direita não transa”.

  Não sou fã da teoria de “Anular Gêneros”

  Homem e mulher tem seus papéis sociais é um gostoso jogo da sedução...



anterior                       <>                                próximo

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Estranho no Ninho

  “Não há nada mais empolgante neste mundo, eu acho, que ter uma criança que é sua e que ao mesmo tempo é uma estranha”.  [ Aghata Christie]
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
  É vero Aghata.
  Lembrei agora [18/03/2011] de quando minha filha de 10 anos tinha uns 2 anos, em uma birrinha com minha esposa.
  Para acabar com a birra perguntei a ela se queria que o papai batesse na mamãe. 
  Ela prontamente disse que NÃO!
  Eu disse então que desse um beijo na mamãe e parasse de graça e todos ficamos satisfeitos e felizes.
ºººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººº
  Passou o tempo e quando minha filha de 8 anos estava mais ou menos com 2 anos tentei usar o mesmo truque.

 - Quer que o papai bata na mamãe?
 - “Quero”.

  Fiquei sem saber o que dizer, minha esposa ficou uma arara…HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!
  Acabamos todos rindo muito, mas algo interessante ainda estava por acontecer.
  Umas 3 horas depois aquele toquinho de gente me perguntou se eu já havia batido na mamãe!!
  Eu a peguei no colo e disse que bater nas pessoas é muito feio, perguntei se ela não gostava da mamãe e ela disse que amava a mamãe, então fiz umas cócegas nela e disse que então não deveríamos bater na mamãe o que ela para meu alivio concordou.
ºººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººº
  Porque para uma filha a violência era inconcebível e para outra aceitável?

  A mesma casa, minha cunhada Idalina esteve presente igualmente cuidando de ambas quando saíamos para trabalhar, nosso casamento não passou por nenhuma crise, gestações tranqüilas…
  É Aghata, filhos, tão nossos e tão estranhos.
  Eu digo que geramos o corpo, mas o “espirito” que o habitará de onde virá?
  “Decifra-me ou te Devoro!


anterior                       <>                                próximo

terça-feira, 27 de agosto de 2013

Energia Nuclear

  “Em evento ecumênico em São Paulo, o reverendo budista Kensho Kikuchi, 73, acusou a “prepotência humana na busca de dominar a natureza e ter cada vez mais comodidades”, como parte da causa da tragédia que vive hoje o Japão, referindo-se aos acidentes na usina nuclear da província de Fukushima –que ocorreu após terremotos e tsunami.”


  De 1950 até hoje a população japonesa cresceu em torno de 40 milhões de pessoas.
  Não é pouca coisa, é muita gente para seu pequeno território.

  Observo que a “prepotência humana” permite a sobrevivência dessa população de mais de 120 milhões de pessoas de uma forma tão abastada e pacifica como nunca na história daquele país.
  O Haiti que não tem um povo tão prepotente sofreu muito mais baixas o que nos leva a contrariar o reverendo.

  Esqueçamos o Budismo e sejamos cada vez mais “prepotentes”, quem sabe um dia tenhamos uma tecnologia tão avançada que controlemos até o movimento das placas tectônicas.

  Sabemos que a Terra não durará para sempre, se tivermos tempo inevitavelmente teremos que colonizar outros planetas.

  Esta população de 120 milhões consome uma enormidade de energia, as usinas nucleares são uma NECESSIDADE, paremos de HIPOCRISIA.

  Não estão convencidos? Pensemos em 3D.

  A pouco tempo atrás ocorreu um ciclone em Santa Catarina, coisa que os meteorologista dizem que é muito difícil, mas não impossível.
  Percebemos que a Terra não é uma máquina perfeita e altamente previsível, pelo menos para nós pobres mortais.
  Imaginem que um pequeno meteoro caia na barragem de Itaipu ou próximo a ela provocando um forte tremor de Terra, conseguem imaginar o tamanho da tragédia e o número de mortos principalmente na Argentina?

  Os religiosos diriam que “Deus não permitiria uma coisas dessas…”

  Bem, crenças a parte como podemos nos preparar?

  Por medida de segurança desativar Itaipu!?

  Percebem que viver é um risco?

  O Budismo teve séculos para nos dizer como evitamos os terremotos e até agora não fez nada.

   Embora perigosa, nesse momento, a humanidade não pode abrir mão da energia nuclear.

  Devemos continuar “prepotentes” e tornar as usinas ainda mais seguras enquanto não dispomos de outras alternativas.
  Se desenvolvermos bastante a fusão “a quente” quem sabe um dia cheguemos a uma fusão a frio.

  Os budas bem que poderiam nos poupar pesquisas e contar para nós estes segredos da natureza.
  Meus mais profundos sentimentos a todos os humanos atingidos por estas catástrofes naturais, irmãozinhos do Haiti, Nova Zelândia, Chile e agora Japão.

 Precisamos de mais tecnologia não de menos.
 Se isso é ser prepotente então viva a prepotência e abaixo a HIPOCRISIA!





anterior                       <>                                próximo



---------------------------------------------------

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Sobre Virtude

  “A virtude não passa de tentação insuficiente.” [Bernard Shaw]
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
   Bernard esta dizendo de forma graciosa que “todo homem tem seu preço” ou “não existe mulher que não traia, existe mulher mal cantada.”
  Lembrei agora que Adão foi obediente a Deus, ele não comeu e possivelmente não comeria o fruto se este não tivesse sido oferecido por Eva.
  Eva também era obediente a Deus e não teria comido o fruto se não houvesse sido tentada pela “serpente.”

  Me parece que o próprio Deus foi colocando uma tentação cada vez maior até que fosse superada a virtude do homem.

   Então a lógica nos diz que não fomos criados sem virtude, a virtude é natural em nós.

  Virtude = Disposição constante do espírito que nos induz a exercer o bem e evitar o mal.

  Do jeito que Bernard escreveu a frase [não sei se foi sua intenção] parece que somos naturalmente maus, perversos. 
  Temos esta impressão também ao lermos as doutrinas de varias religiões e até discursos ateus.
ºººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººº
  Para os ateus eu digo que se Deus não existe então tudo que foi feito na humanidade saiu da mente do homem, ora, desenvolvemos inúmeras leis de proteção a vida é difícil localizarmos uma cultura onde o assassinato não seja crime punível. 

  Que ser naturalmente mau ajudaria os mais fracos!?

  Atualmente avançamos rapidamente concedendo direitos até a animais de outras espécies, aqui em Campinas foi uma dificuldade incrível matar algumas capivaras que estavam infestando um parque com carrapatos.
  Se para ateus e religiosos o homem é naturalmente perverso, filosofando matematicamente é algo que ainda não consegui OBSERVAR.
  Em um jardim de infância notamos os brigões, mas a maioria das crianças são umas “bananas”, apanham e só fazem chorar ou procurar a tia.
  Outra coisa interessante observando as crianças é sua capacidade de se enturmar até uns 5 ou 7 anos. 
  Eu e minha esposa chegávamos em algum lugar e dizíamos vai brincar com a coleguinha, uma outra criança que minha filha nunca tinha visto na vida, mas em pouco tempo pareciam se conhecer por décadas.
  É senhoras e senhores, olhando muito para dentro de eu mesmo me sinto naturalmente bom e tenho uma certeza matemática que a grande maioria das senhoras e dos senhores também são.
  Viver é muito difícil e os números da violência realmente assustam, mas parece ser decorrência de um fenômeno tão estranho que até parece uma “interferência”.
  Queremos despertar o amor nos “brigões” e não observamos todo amor que há em nós…
 Quem entende?!


anterior                       <>                                próximo

domingo, 25 de agosto de 2013

Para sua Proteção

  “Deus deve amar os homens medíocres. Fez vários deles.” [Abraham Lincoln]
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
  Escrevi varias vezes que a massa é medíocre e muitas pessoas não toleram minhas idéias por conta disso. 
  Gostaria que as pessoas entendessem que li os maiores pensadores que deixaram alguma coisa registrada em livros então ser medíocre diante de um Aristóteles, Maquiavel, Franklin ou Sócrates não deve ser encarado como algum tipo de ofensa.
  Eu gostaria de ter a voz de um Emílio Santiago, a inteligência de um Einstein e a beleza de um Brad Pit [quando era mais novo], não preciso nem dizer que sou “abaixo da média” [menos que medíocre] se comparado com esses caras.
  Nós medíocres não temos aquela inteligência que se possa dizer:
   “Oh, meu Deus como ele é inteligente!” 
  Mas temos inteligência suficiente para cuidar de nós mesmos, assumirmos nossas RESPONSABILIDADES INDIVIDUAIS.

   Eu tenho respeito pela mediocridade o que me espanta é que ela própria não se respeita…siga-me os bons!

  Exemplo: Não entendo uma empresa que ainda dá cestas básicas no Estado de São Paulo!!! Um dos grandes legados de FHC foi justamente acabar com este desperdício de logística.
  O vale alimentação é tão mais eficiente, o indivíduo compra a marca e o alimento que tem preferência, CUIDA DE SI MESMO.
  A não ser que tenha algum jeito de burlar o Fisco com a cesta básica [que eu desconheço], preferir a cesta ao vale alimentação é pouco pratico para a própria Empresa.
  Sabem a justificativa que as Empresas oferecem? 
  Se elas darem em dinheiro [Vale Alimentação] o funcionário vai gastar em cachaça ao invés de arroz e feijão!!
  As Empresas estão assim “protegendo” seus funcionários.
  Com esse pensamento PATERNALISTA só a empresa sabe o que é bom para o indivíduo e nivela por baixo a todos os tratando como bêbados irresponsáveis que as empresas [ou o Estado] tem que cuidar.
  E as pessoas ficam ofendidas comigo!? 


anterior                       <>                                próximo

sábado, 24 de agosto de 2013

Velha Guarda

  “Noutro dia, em seminário do PT na Bahia, Lula lançou um enigma: "Eu fico pensando o que seria o Brasil se não fosse o MST". A resposta me brotou fácil: haveria mais prosperidade e paz no campo. [Xico Graziano]
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
  Eu penso que os padres que estão no comando foram formados na década de 60 e 70 e desenvolveram uma visão romântica do Comunismo, acreditavam no fim do capitalismo e no sucesso da Teologia da Libertação.
  Eu estava olhando a Século 21 [emissora católica] e notei que há muitos padres jovens e a tendência é o movimento carismático, os atuais “padres shows” é que daqui algum tempo darão as cartas, a geração formada em 60 esta caminhando para o descanso eterno.
  A situação que observamos é um resquício do passado, para algumas pessoas parece que o “muro” nem foi derrubado, elas pararam no tempo.
  A Igreja Católica, por seu tamanho, sempre apresenta um retardo em relação a atualidade, mas daqui uns 20 anos todos os padres “socialistas” estarão mortos e os padres de “resultados” estarão no poder.
  Oh! Glória a Deus…
Entra na minha casa
Entra na minha vida
Mexe com minha estrutura
Sara todas as feridas





anterior                       <>                                próximo



sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Teologia da Libertação

  A Teologia da Libertação surgiu em uma época que a humanidade acreditava que caminharia inexoravelmente para o Comunismo com a falência do Capitalismo.

  “Teologia da Libertação é um movimento de teologia política, que engloba várias correntes de pensamento que interpretam os ensinamentos de Jesus Cristo em termos de uma libertação de injustas condições econômicas, políticas ou sociais.
  Ela foi descrita, pelos seus proponentes como reinterpretação analítica e antropológica da fé cristã, em vista dos problemas sociais, mas outros a descrevem como marxismo cristianizado.”

  Quando a URSS colocou o primeiro satélite em órbita pareceu claro para todos a sua superioridade organizacional e social.
  Somado isso, todo ocidental que tinha permissão para visita-la ficava exposto a um teatro produzido pelo Partidão, todas as notícias que partiam da URSS eram excelentes.

  A imprensa ocidental não tinha aceso a informações sobre a URSS e as que vazavam para o exterior tinham a censura prévia do Comunismo, endeusando o regime.

    “A Teologia da Libertação foi uma tentativa de parte da Igreja Católica em se adaptar ao novo mundo que surgia.
  Na década de 70, parecia que o mundo caminhava para o Comunismo.
  Acontece que o Comunismo na década de 80 foi se mostrando uma grande furada e a “TL” seguiu pelo mesmo caminho.
  O Vaticano foi rápido em desfazer o mal-entendido, mas esse tipo de ideologia é difícil de ser eliminada totalmente, idéias são vírus poderosos.”
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Defendo que a Teologia da Prosperidade é um mal menor se comparada com a Teologia da Libertação.

  Igrejas como a Universal incentivam o cidadão pedir a Deus, mas também ir à luta.

  Entre incentivar o indivíduo ao progresso trabalhando, estudando, confiando em Deus e incentivar o indivíduo a invadir propriedades e ter ódio de qualquer um que seja empresário [representante mor do capitalismo selvagem e destruidor], fico com a primeira opção.
  As igrejas pentecostais que adotam a Teologia da Prosperidade até incentivam o indivíduo a ser empresário.
  No campo político ao invés de se associar a guerrilheiros os protestantes disputam eleições, participam do jogo democrático.

  A Teologia da Prosperidade tem sido útil incentivando o indivíduo a ser um bom cidadão buscando seu melhor.

  A Teologia da Libertação foi um engano colossal da Igreja Católica, esses padres da TL são pensadores perdidos no tempo.
  Aqui no Brasil dão apoio a movimentos como o MST.
 
  Quero salientar que o Vaticano percebeu rapidamente o engano da TL e corrigiu os rumos da ICAR:

  “A influência da teologia da libertação diminuiu após seus formuladores serem condenados pela Congregação para a Doutrina da Fé em 1984 e 1986.
  A Santa Sé condenou os principais fundamentos da teologia da libertação, como a ênfase exclusiva no pecado institucionalizado, coletivo ou sistêmico, excluindo os pecados individuais, a eliminação da transcendência religiosa, a desvalorização do magistério, e o incentivo à luta de classes.”

  A Teologia da Libertação persistiu na mente de padres comunistas como Leonardo Boff por exemplo que entre outras pérolas dizia:

  “Para aqueles com estômago elitista, lugar de peão é na fábrica produzindo, alimentando a bomba do capitalismo!”

  Não preciso dizer mais nada.




anterior                       <>                                próximo


quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Cuidar do Corpo

  Quando jovens devemos tentar buscar experiência e conhecimento o mais rápido possível, ler e ver filmes me parece uma excelente pedida.
  É uma grande idiotice da juventude olhar estes maravilhosos “espelhos” apenas por diversão ignorando toda FILOSOFIA destilada nas peças e filmes. [Sobre Juventude]
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
 
  Com 19 anos minha mente estava incrivelmente “velha” no sentido de acumulo de conhecimento em um corpo “jovem” no sentido biológico mesmo.
  Por tudo que meditei cheguei a conclusão que deveria tentar me manter Biologicamente jovem pelo máximo tempo possível. 
  Nesse tempo “encantado” por budismo e cultura oriental tentei a yoga, mas descobri que meu corpo naturalmente tem bem pouca elasticidade e como agora sabem o budismo deixava muitos buracos estruturais em minha mente, não conseguia decifrar os enigmas e isso me devorava. 
  Tentei também o Kung Fu, tudo de maneira autodidata uma vez que não tinha dinheiro para um aprendizado mais técnico.
  Jogava futebol por ser um esporte barato, mas o que deu um up grade na minha relação com exercícios foi servir o Exército e assistir Jogo Bruto do Arnold Schwarzenegger. 
  Gosto de me sentir macho e Arnold naquele filme sem duvida foi um ótimo ESPELHO. 
  Aqueles filmes do velho oeste americano também me encantavam foi com John Wayne que ouvi uma destas frases que marcaram minha vida: 
  “Um homem tem que fazer o que um homem tem que fazer”.
ººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººº
  Musculação e caminhada foram opções LÓGICAS, para agir de forma a harmonizar a necessidade de exercícios com a minha NATUREZA.
  Quero dizer que hoje em dia temos inúmeras opções para não sermos sedentários, natação, dança de salão, bicicleta, uma luta qualquer, exercícios da moda…
  Enfim, se quer se manter Biologicamente jovem por mais tempo, ainda não inventaram nada melhor que alguma atividade física, não, não precisa um grande esforço, seu objetivo não é ser um atleta de ponta é só para promover uma boa circulação sangüínea mantendo veias, artérias e articulações em boas condições.

  Tem gente que prefere se garantir com um bom e caro convênio médico, tudo bem, entendo.
   Mas o convênio te prepara para a doença o exercício te mantém com saúde, qual a opção mais lógica?

  Convênio e seguro de vida são coisas que pagamos e desejamos não usar.   
  Academias de ginastica pagamos e desejamos usar, um corpo mais apresentável e saudável nos proporciona muito mais PRAZER.
  Então meu amigo, minha amiga, MEXA-SE!
  Se pode se manter maduro porque optar por apodrecer rapidamente?
  INTELIGÊNCIA BÁSICA


anterior                       <>                                próximo

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Sobre Juventude

  “A juventude é uma coisa maravilhosa. Que pena desperdiçá-la em jovens.” [Bernard Shaw]
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
  Shaw foi um pensador muito amargo, nunca consegui entrar em sintonia com esses pensadores “socialistas” [termo suave para Comunista], mas não devemos ler apenas os pensadores os quais somos simpáticos, um livre pensador não deve se limitar a isso.
  Vejam essa provocação de Shaw o quanto é interessante.

  Nosso corpo é tão cheio de energia quando jovem, mas somos tão inexperientes em tudo, tão dependentes da opinião dos outros, desperdiçamos tanta energia com idiotices.
  Já houve quem propusesse que nascêssemos velhos e debilitados e a medida que fossemos ganhando experiência e conhecimento fossemos rejuvenescendo. Como não conheço nenhum ser da natureza que tenha como característica um processo desse, matematicamente considero um delírio ou apenas uma licenciosidade poética.
  Sejamos diferentes de Shaw, deixemos o amargor de lado e vejamos o que é possível fazer com o que temos, vem comigo!
ººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººº
  Quando jovens devemos tentar buscar experiência e conhecimento o mais rápido possível, ler e ver filmes me parece uma excelente pedida. 
  O cinema e o teatro fazem com que vejamos a vida pelos mais variados ângulos, como se vivêssemos varias vidas, você não precisa ser ator apenas mentalmente se coloque no lugar do personagem, o que você faria naquela situação apresentada na peça ou no filme?
  Já é uma grande idiotice da juventude olhar estes maravilhosos “espelhos” apenas por diversão ignorando toda FILOSOFIA destilada nas peças e filmes.
  Com 18 anos eu já havia lido e relido a Bíblia e conversado com os maiores pensadores que já passaram pela humanidade, minha mente estava incrivelmente “velha” no sentido de acumulo de conhecimento em um corpo “jovem” no sentido biológico mesmo.
  Sei que deve estar pensando: “Grande coisa, você não é grande coisa.”
  Concordo, mas acho que seria algo menor ainda sem os conhecimentos adquiridos, poderia estar usando orgulhosamente uma camiseta do Che ou do Mao…HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA, credo em cruz, pé de pato bangalô 3 vezes.
   Como a maioria dos leitores deve ter mais de 18 anos, escreverei um texto sobre a maturidade a parte.
  To be continued…


anterior                       <>                                próximo

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Budismo

  “Eu fui para outra religião, por não aguentar ver a cobertura que a civilização cristã e ocidental costuma conceder a valores não éticos.
  Por não aguentar as desculpas e justificativas que tantos usam e sempre usaram para suas “pisadas no tomate”. [Nihil]
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
  Os países historicamente budistas são: Nepal, Butão, Tibete, Mongólia, China, Coréia, Japão, Tailândia, Srilanka, Laos, Camboja e Vietnã. A Índia, país em que a religião se originou, conta hoje com uma ínfima minoria de budistas. A Indonésia e o Afeganistão foram budistas no passado. Hoje o Budismo está espalhado pelo mundo inteiro, estando inclusive presente no Brasil. Para conhecer as organizações budistas regulares e tradicionais que atuam no Brasil, consulte o Portal Budista Dharmanet. [yahoo]

  Desses países os que tenho admiração são Coréia do Sul e Japão, mas faz tempo que Coréia e Japão não podem ser definidos por uma religião, são bastante sincréticos. 

  SINCRETISMO =  Sistema filosófico ou religioso que combinava os princípios de diversas doutrinas. [Priberam]

  Esse sincretismo aconteceu justamente em suas fases de prosperidade com o fortalecimento do ESTADO LAICO.
  A maioria dos japoneses hoje em dia são como os católicos brasileiros se dizem pertencentes a esta religião ou ao Xintoísmo meio que por tradição, só a frequentam em algumas ocasiões especiais, batizados e casamentos ou alguma festa religiosa.
  No Japão e na Coréia as “Teologia da Prosperidade” com diferentes nomes são as que mais atraem novos adeptos, nada mais OCIDENTAL…
ºººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººº
  Para uma mente matemática como a minha o budismo é uma religião sem RESULTADO expressivo.
  É uma “Transamazônica” que liga nada a lugar nenhum.
   Mas é claro que atende as necessidades daquelas pessoas que estão em seu entorno, religião para quem precisa.
  Sei que os budistas irão me detestar [entrem na fila], mas em uma meditação profunda me surgiu um pensamento sobre esse movimento que me deu cãibra de rir, não deu para continuar meditando.
  Sabe quando você canta uma musica em inglês sem entender patavinas desse idioma e diz palavras como murlei, mastbiheven, isislove, clepiorrend…HAHAHAHAHAHAHA!
  Os budistas são assim cantam com sentimento o que não entendem patavinas, não dá nem para saber se há algo para entender, tipo:
   Evoluímos para nos tornar nada.
   Não que hoje sejamos alguma coisa, até muito pelo contrario…
   HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH! Ai, deu cãibra.


anterior                       <>                                próximo

sábado, 17 de agosto de 2013

Trabalho

  “Eu creio que o melhor meio de fazer bem aos pobres não é dar-lhes esmola, mas sim fazer com que possam viver sem recebê-la.”

[Benjamim Franklin]

  Concordo Franklin, mas vou pegar um gancho no seu pensamento e escrever algo que não vejo nenhum pensador comentar, só para tornar as coisas mais interessantes.

   Já conheci muita gente que não quer nada com o trabalho, pode até querer um emprego, mas trabalho tá fora.

   
  Para muitos Psicólogos e Filósofos parece que todo mundo quer e gosta de trabalhar só não trabalha por falta de oportunidade quando o que eu observo é bem o contrário, poucas pessoas gostam de trabalhar, só trabalham porque precisam.

  É até engraçado, no meu novo emprego [14/03/2011 - Domingo] me perguntam se estou gostando do trabalho e como sou sincero digo que não gosto de trabalhar, as pessoas riem, pensam que é piada.

  Por esses dias alguém me falou: - “Você TEM que gostar de trabalhar”.
  Eu quase me esborrachei de rir, perguntei como a gente se obriga a gostar de alguma coisa!?
  Perguntei para meu interlocutor se naquele momento ele pudesse escolher algum lugar para estar se esse lugar seria no trabalho, ele respondeu claro que não e aí que me deu mesmo uma crise de riso.


  As pessoas são tão confusas, elas dizem o que devemos gostar e nem sabem definir do que gostam!!
  Vou falar uma coisa muito profunda, prestem muita atenção, pode ser útil em suas vidas.
  O estresse chega de muitas maneiras e uma delas é esta de fingir ou nos enganarmos que gostamos de uma coisa que na verdade apenas aturamos porque é preciso.
  Eu não gosto de trabalhar, mas gosto e preciso de dinheiro no fim do mês, gosto e preciso ser útil a sociedade.
  Lembrem-se, NÃO CONTROLAMOS O QUE SENTIMOS.
  Eu posso controlar o meu AGIR, então faço meu trabalho o melhor possível, dou o melhor de mim. 
  A Empresa me contratou porque precisa que eu faça o meu trabalho, meus colegas precisam que eu faça minha parte, minha esposa precisa da minha colaboração para criar as crianças, a sociedade precisa que eu cumpra com o meu dever.
  Eu gosto de me sentir macho e um homem deve fazer o que um homem deve fazer, não importa se gosta ou não.
  Se você trabalha no que gosta, meus sinceros parabéns, é um homem ou mulher de sorte.
  Se igual a maioria você trabalha porque precisa então seja HOMEM, seja MULHER, FAÇA SEU SERVIÇO DIREITO, isto é crescer, isto é ser adulto.

  
  Comece a perceber que fingir que gosta de algo é ainda mais estressante.

  Alem do mais descobrindo o que você não gosta pode descobrir também do que realmente gosta e trabalhar nisso.



  Há inúmeras historias a esse respeito, Paulo Autran [se não me engano] estudava advocacia quando se encantou pelo teatro e teve sucesso nessa nova profissão.
  Bom, já é tarde, quero deixar para você esta mensagem de animo para amanhã, se você precisa trabalhar e tem um trabalho já é algo muito legal para festejar.
  Amanhã quando você for para o trabalho lembre-se que muitos também estão acordando cedo, mas a procura de um.
  Não, não finja que gosta de acordar cedo, enfrentar o transito e resolver um monte de problemas, simplesmente faça o que tem que fazer, não fique reclamando, ninguém gosta de reclamões.
  Lembram sobre a FRATERNIDADE, no trabalho estamos unidos por uma necessidade e na hora da necessidade é que precisamos ainda mais nos comportar como bons irmãos, um auxiliando o outro para o que tem que ser feito seja feito.
 
  É gostoso de manhã comer aquele pãozinho torradinho?
  Do plantar o trigo até fazer o pão tem muito TRABALHO.

  Entender a importância do trabalho em nossas vidas, já me faz gostar um pouquinho dele, mas só um pouquinho…   

  Boa Noite! Bom trabalho amanhã!





anterior                       <>                                próximo



sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Amigo Franklin

   “Quando reflito, coisa que faço freqüentemente, sobre a felicidade de que desfrutei, as vezes digo a mim mesmo que se me fosse oferecida de novo exatamente a mesma vida, voltaria a vivê-la do início a fim.” [Benjamim Franklin]
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
  Poxa vida amigo Franklin! Fico imensamente alegre por você, isso é raro de ouvir porque é raro de acontecer.
  Eu mesmo se soubesse todos os perrengues que iria passar se pudesse teria desistido. Teria evitado a vida.


“Pai afasta de mim esse cálice.” 

  Como vês até Jesus gostaria de pelo menos ter morrido diferente, quanto a como viveu não dá para ser conclusivo, nunca li Jesus agradecendo ou elogiando sua vida terrena. 
  Me parece que ele veio a contragosto, foi a vontade do “Pôaai”, diria o Henry Cristo…HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAA!
ºººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººº

Esse ano [14/03/2011] até que começou muito bem, não estou acostumado, estou até achando estranho, mas espero que continue assim.
  Uma das coisas que admiro em Franklin é justamente essa percepção de que é um escolhido e agradecer por isso. 
  Me irrita muito aquelas pessoas que [digamos] “Deus carrega no colo” e vivem reclamando da vida.
  Eu gostaria de não ter tido uma infância tão pobre, gostaria que meu pai não tivesse problema com álcool, gostaria de ter estudado em boas escolas, gostaria que meus pensamentos me trouxessem coisas boas, gostaria de ter mais condição e oportunidade de ajudar as pessoas…, mas sou apenas mais uma criatura na face da Terra, não sou um escolhido como meu amigo Franklin.
  Ele deixou um grande legado para a humanidade. Quem não gostaria de ter sido um Benjamim Franklin?
  Sabe amigo Franklin, eu gosto da minha NATUREZA. Não tenho dificuldades para entender ou fazer o que é certo, a lógica flui em minha mente naturalmente, apesar dos pesares se tivesse que nascer novamente não queria vibrar em outra freqüência, mas com certeza gostaria que minha vida tivesse sido bem diferente.
   Amigo Franklin tenho inveja de ti, mas aquela inveja boa, inveja de admiração. Se existir um “céu” é nele que desejo que estejas.
  Vida longa, próspera e salvação, parabéns amigo Franklin, o senhor merece, isto é raro de acontecer, não posso dizer o mesmo sobre todos os possíveis escolhidos sobre os quais já li… um exemplo:
  Quando vejo uma pessoa usando aquela camiseta do Che Guevara penso comigo:
  “Ah! Se ela tivesse conhecido Benjamim Franklin!”
  Se ela não teve esse prazer, eu tive. 
  Enorme prazer em conhece-lo AMIGO FRANKLIN.
    “Eu sou da América do Sul, eu sei, você não vai saber…”




anterior                       <>                                próximo


quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Pai

  “Mantenha teus olhos bem abertos antes do casamento; e meio fechados depois dele.” [Benjamin Franklin]
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
  O casamento não é a consumação do amor, mas a consumação do nosso desejo de constituir família. Se as duas situações coincidirem ótimo pra você.
  Por favor, pelo menos você que de alguma forma absorveu um pouco da Filosofia Matemática esqueça a mediocridade de casar apenas por amor. 

  Coloque uma coisa na sua cabeça: NÃO! O amor não pode tudo, não aguenta tudo, não dá garantia de felicidade para ninguém, até muito pelo contrario, pode ser terrivelmente DESTRUTIVO.

  Você mulher apaixonada, só transe com proteção, de repente ao ser comunicado que irá ser pai, o grande amor da sua vida pode virar um sapo, só estava afim de uma perereca.
  A parte triste desse conto de fadas é que uma criança nascerá sem pai, não o biológico, este todos temos, mas aquele pai de amor, aquele que estará conosco nos melhores momentos da vida e nos difíceis também.
ººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººº
  Lembrei agora de uma colega que apesar de todo esclarecimento que tinha engravidou de um cara da igreja, Congregação Cristã [acho], uma que homens ficam de um lado e mulheres de outro.
  Me espantei com sua felicidade, na cabeça dela tudo estava certo, antes da barriga crescer ele iria casar com ela e seriam felizes para sempre…faltou combinar isto com o cidadão. 
  Claro que torcia pela sua felicidade, mas confesso que temia pelo pior.
  Tudo deu errado. O rapaz não quis assumir o filho [mais tarde nasceu uma menininha], até arranjou outra namorada. 
  A igreja a execrou, que cristã era aquela que fazia sexo antes do casamento?
  Pensam que ela se deixou abater? 
  Claro que não, ela é mulher e é “guerreira”, cuidaria da sua filha sozinha, ela e Deus![agora é Deus!?]
  Ela disse que não precisava do rapaz e nem de ninguém, para sua filha não iria faltar nada, ela iria ser “pai e mãe”…
  Perguntei a ela se gostava de seu pai [eu já sabia a resposta].

  - "Você sabe que eu adoro meu pai, ele é tudo pra mim, não sei o que seria da minha vida sem ele."

  Você entende “Maria” que para sua filha irá faltar um pai? 
  O que a vida, Deus ou sua mãe lhe deu você IRRESPONSAVELMENTE negou a sua filha, um pai que a ame tanto quanto você amará a ela, você realmente acha que para sua filha não irá faltar nada?
  
  Nesse instante deve ter caído a ficha, ela me olhou de uma maneira tão…perdida, que acabei chorando, choramos juntos.
  Ai...como é difícil viver, não é brincadeira não, dói demais da conta.
ºººººººººººººººººººººººººººººººººººº
  Minhas filhas tem uma ótima mãe e um bom pai, que bom que todas as crianças que mesmo que não pudessem ter tudo tivessem pelo menos o básico, um bom pai e uma boa mãe, o básico nunca me pareceu tão TUDO.
  Não tenho mais contato, o tempo nos afasta dos amigos, desejo toda a sorte do mundo para mais esta princezinha que hoje [13/03/2011] deve estar com 8 anos, que ela possa dar um bom pai para sua filha ou filho que um dia virá, que possa dar a sua filha algo que lhe foi negado, um BOM PAI.
  O casamento não é a consumação do amor, mas a consumação do nosso desejo de constituir família. Se as duas situações coincidirem ótimo pra você.


anterior                       <>                                próximo

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Teoria dos 10%

    "Estudo relaciona horas na Internet com sintomas depressivos.
   A conclusão é de um estudo da Universidade de Leeds, no Reino Unido, que avaliou 1.319 voluntários com idade entre 16 e 61 anos. Do total, apenas 1,2% dos voluntários foi considerado dependente da rede mundial de computadores, mais foi aí que se concentrou a maioria dos casos moderados ou graves de depressão.”
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
    Como não tenho dinheiro para bancar pesquisas do meu interesse desenvolvi uma teoria que chamo de “Teoria dos 10%”. Claro que ela não surgiu ao acaso, foi fruto de muita meditação.
  Consiste basicamente em observar que 10% da população é capaz de fazer e sentir coisas que os outros 90% nem imaginam que seja possível.
  Até ai tudo bem, agora ela complica um pouco:

  Não é que 10% da população seja um grupo a parte em tudo é “QUE TUDO TEM UM GRUPO A PARTE”.

   Os 10% que se viciariam em drogas não são os mesmos 10% que se tornariam homossexuais.

  Os 10% que gostam mais de animais que de gente não são os mesmo 10% que são corruptos ao extremo.
  Os 10% que se viciam na Internet, não são os mesmos 10% que são pedófilos e assim por diante.
ººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººº
 Uso a teoria dos 10% para me situar principalmente em questões de políticas públicas.
  Veja como fica o exemplo na pratica:

  90% das pessoas fazem um uso [digamos] “natural” da Internet,
  10% ficam muito mais tempo do que seria natural

  De 10% cerca de 1,2% ficam dependentes, viciadas.
  Nesses 1,2% há uma maior incidência de suicídios que nos outros 98,8% da população!!!
  Concluímos então que a Internet provoca o suicídio ou é coisa do Demônio!!

  Veja bem a manchete: “Estudo relaciona Internet com sintomas depressivos.”

  Baseado em que?
  Oras, “parte” de 1,2% de seus usuários “podem” apresentar sintomas de depressão!
  Será que se esse estudo fosse feito com pessoas que bebem leite ou assistem novela não teria o mesmo “resultado”?
  A porcentagem é tão baixa que pode se repetir em qualquer grupo que faça qualquer coisa.
    Isso é ciência, filosofia ou…terrorismo mental?




anterior                       <>                                próximo