quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Garganta não Pensa

    “Antes de consultar o capricho consulta a carteira.” [Franklin]
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
  Observo que as maiores dificuldades financeiras que surgem na vida das pessoas vem de como elas gastam e não tanto pelo que ganham.
  Com os Governos acontece a mesma coisa, mas vamos nos ater hoje ao indivíduo.
  Eu tenho itens básicos de sobrevivência que pago “religiosamente” agradecendo por ter acesso a estes bens, água, luz, condomínio, telefonia, Internet, alimentação.
  Já disse aqui o quanto acho maravilhoso a água saindo da torneira ou a eletricidade fazendo funcionar toda a tecnologia a minha volta, claro que eu gostaria que fosse mais barato.
  O fato é que eu só posso investir ou satisfazer um capricho com o dinheiro que sobra dos itens essenciais. 
  Se me sobram 200 reais e este dinheiro não satisfaz meus caprichos eu tenho varias opções LÓGICAS para tentar aumentar minhas “sobras”.
  Como nosso amigo Benjamin Franklin disse uma delas é investir em conhecimento de preferencia em algo que possa aumentar nossos rendimentos. 

    As pessoas medíocres e ignorantes dirão que 200 reais não são nada e não será possível adquirir nenhum conhecimento com essa quantia e para esta pessoas eu realmente não tenho nada para escrever, dar um passo além, desejar sair da caverna da mediocridade e ignorância é uma decisão muito pessoal, para essas pessoas EU NÃO TENHO SOLUÇÃO.
  [apenas direi que se 200 reais não são nada...dê para mim!]

  Já vi pessoas perderem um emprego melhor por não terem o segundo grau, ora, no Brasil esse estudo pode ser concluído de graça e os 200 reais ficam para os inevitáveis gastos extras com transporte e material escolar.
  Você não tem nem os 200? 
  Tente algo o mais próximo de casa e vá a pé. Quanto aos materiais peça ajuda, temos incontáveis serviços de assistência social se você esta tão na pendura poderá se cadastrar em algum deles.

  Quero dizer que ficar só reclamando é usar a garganta quando você deveria usar o CÉREBRO.

  Sei, sei, todo pobre gostaria de ter nascido em melhor condição, mas lembre-se que se você nasceu muito pobre foi por  ação de seus pais ou vontade de Deus.

  Se você não culpa seus pais ou Deus porque quer culpar a Sociedade!?

  “Decifra-me ou te Devoro!”





anterior                       <>                                próximo


Postar um comentário