terça-feira, 20 de agosto de 2013

Sobre Juventude

  “A juventude é uma coisa maravilhosa. Que pena desperdiçá-la em jovens.” [Bernard Shaw]
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
  Shaw foi um pensador muito amargo, nunca consegui entrar em sintonia com esses pensadores “socialistas” [termo suave para Comunista], mas não devemos ler apenas os pensadores os quais somos simpáticos, um livre pensador não deve se limitar a isso.
  Vejam essa provocação de Shaw o quanto é interessante.

  Nosso corpo é tão cheio de energia quando jovem, mas somos tão inexperientes em tudo, tão dependentes da opinião dos outros, desperdiçamos tanta energia com idiotices.
  Já houve quem propusesse que nascêssemos velhos e debilitados e a medida que fossemos ganhando experiência e conhecimento fossemos rejuvenescendo. Como não conheço nenhum ser da natureza que tenha como característica um processo desse, matematicamente considero um delírio ou apenas uma licenciosidade poética.
  Sejamos diferentes de Shaw, deixemos o amargor de lado e vejamos o que é possível fazer com o que temos, vem comigo!
ººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººº
  Quando jovens devemos tentar buscar experiência e conhecimento o mais rápido possível, ler e ver filmes me parece uma excelente pedida. 
  O cinema e o teatro fazem com que vejamos a vida pelos mais variados ângulos, como se vivêssemos varias vidas, você não precisa ser ator apenas mentalmente se coloque no lugar do personagem, o que você faria naquela situação apresentada na peça ou no filme?
  Já é uma grande idiotice da juventude olhar estes maravilhosos “espelhos” apenas por diversão ignorando toda FILOSOFIA destilada nas peças e filmes.
  Com 18 anos eu já havia lido e relido a Bíblia e conversado com os maiores pensadores que já passaram pela humanidade, minha mente estava incrivelmente “velha” no sentido de acumulo de conhecimento em um corpo “jovem” no sentido biológico mesmo.
  Sei que deve estar pensando: “Grande coisa, você não é grande coisa.”
  Concordo, mas acho que seria algo menor ainda sem os conhecimentos adquiridos, poderia estar usando orgulhosamente uma camiseta do Che ou do Mao…HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA, credo em cruz, pé de pato bangalô 3 vezes.
   Como a maioria dos leitores deve ter mais de 18 anos, escreverei um texto sobre a maturidade a parte.
  To be continued…


anterior                       <>                                próximo
Postar um comentário