sábado, 26 de dezembro de 2015

Encanto Marxista

Porque um miserável vira Socialista/Comunista?

  Isso é fácil entender.
  O indivíduo não tem quase nada, come mal, mora mal, o dinheiro é pouquíssimo.
  Se alguém propõe dividir a posse/propriedade de todos em partes iguais ... é interessantíssimo para quem não tem nada ou bem pouco.
  Eu tenho 1 real no bolso, você tem 9 e outra pessoa tem 20.
  Em um pensamento linear se dividirmos toda a riqueza:
  1 + 9 + 20 = 30
  30 : 3 = 10

  Cada indivíduo fica com 10 reais.
  É um excelente ganho para o miserável, uma pequena melhora para o classe média e um péssimo negócio para o rico.

Todos com posses iguais é o sonho de muitos.

  O principal problema desse igualitarismo é que não somos todos iguais.

  O miserável por vezes nasce de pais muito irresponsáveis, não são iguais aqueles casais que planejam bastante antes de colocar um filho no mundo.
  Eu e minha esposa trabalhamos bastante, gastamos de acordo com nossas posses.
  Acumular algum capital para depois dividir o resultado com aquele casal “porra louca” seria desanimador.

  A miséria também pode chegar pelo abuso de álcool e drogas, não somos iguais na utilização desses produtos.
  É impossível que exista alguém que não saiba das consequências nefastas do abuso de certas substancias como crack e cocaína.
  Se o indivíduo quer experimentar, correr o risco, porque eu tenho que pagar a conta?
  Quem me explica?

  Por outro lado a riqueza pode chegar por algum talento.
  Você percebeu alguma vocação para advocacia, de família pobre com muito esforço concluiu a faculdade de Direito, conseguiu passar no exame da OAB, engoliu muito sapo no início da carreira, mas agora está deslanchando.
  Daí o Governo/Estado confisca o que ele acha que é excedente e distribui para aquele seu colega que no ensino fundamental desistiu dos estudos para se dedicar a baladas e minas, agora tem uma profissão de baixa qualificação e filhos com as minas para sustentar.

  É fácil perceber que como não somos iguais em nossas capacidades e talentos, fica impossível forçar essa igualdade financeiramente.

  Como se não bastasse um outro complicador é que esse sistema de igualitarismo só tem “funcionado” com o Totalitarismo.
  O Estado intervém forçando uma distribuição.
  Acontece que o Estado não faz isso de graça, quanto maior ele for, mais caro ele custa.
  Aqui no Brasil ele custa cerca de 40% da renda (arredondado para facilitar a visualização dos cálculos.)
  Vamos voltar naquela conta onde todos igualitariamente ficam com 10 “reaus”.
  Na realidade ficam com 6 porque 4 vai para o Governo.
  Nessa situação mesmo a classe média começa a viver bem pior.
  Quem ainda sai no lucro é aquela parte da sociedade que não quer trabalhar e estudar com disciplina e responsabilidade, prefere viver das benesses de qualquer Governo.

  Com o passar do tempo os cidadãos mais ajuizados não veem razão para se esforçar muito se o Governo vai confiscar o dinheiro.

  Boa parte dos recursos fica para o luxo de quem está no poder e vive nababescamente, outra parte vai para os desajustados que fogem de trabalho e responsabilidade igual o diabo foge da cruz.
  O cidadão realmente trabalhador (se pode) muda de país ou fica em uma letargia, uma operação tartaruga.
  Sem estimulo para produzir riqueza o PIB cai e os impostos arrecadados também.
  Mas os responsáveis pela “distribuição” continuam muito bem:

   “Livro revela a vida de luxo e nada proletária do comunista Fidel Castro.” [Jornal Opção]




   Para entender porque miseráveis se encantam pelo Socialismo é fácil, esse texto foi só uma preparação.
  Vamos ao verdadeiro enigma:

  Porque pessoas nascidas “burguesas” se encantam pelo Socialismo?

Eis a provocação para o próximo texto:

  “Com a mãe, a relação de embate permanente durou quase até o fim. Crítica às opções pessoais e profissionais da filha, Maria Antônia, porém, nunca deixou de entregar a ela por quatro décadas boa parte da GENEROSA PENSÃO DEIXADA PELO MARIDO, um promotor público, morto em 1956.

   “SEMPRE FUI BANCADA PELA MINHA MÃE E, POR CAUSA DISSO, CONSTRUÍ UMA CARREIRA SEM PREOCUPAÇÕES.” [Maria Alice Vergueiro]
▬▬▬▬▬▬▬
 Bancada pela mãe!!!!!
 Foi bancada pelos cofres públicos.
 A mãe dela viveu a nossas custas e ela também.
 Assim é fácil ter quadro do Che Guevara na sala.
 O Estado realmente é um “Deus Protetor” para alguns indivíduos que vivem do dinheiro dos impostos.
  Acontece que o dinheiro tem que vir de algum lugar e sai do bolso de quem realmente trabalha.

  Para Maria Alice viver sem preocupações milhões de brasileiros precisaram se preocupar e MUITO, verteram sangue, suor e lagrimas. 


Anterior          <>        Próximo 

sábado, 19 de dezembro de 2015

Manifestações

  “As manifestações coerentes surgem da indignação, quando a massa tem a percepção que está ocorrendo ou ocorrerá uma grande injustiça.” [William Robson]

   “A PM informou que a manifestação reuniu 30 mil pessoas.
  Já segundo o Datafolha, o ato na Paulista reuniu 40.300.
  De qualquer modo, é o número mais baixo nas manifestações deste ano: em março foram 210 mil; em abril, 100 mil; e em agosto, 135 mil.
  Em relação à primeira manifestação, o público de ontem teve uma queda de 80% pelo menos.”

  O que faz uma grande quantidade de pessoas sair nas ruas em protestos é um mistério.

  Não só aqui no Brasil, mas no mundo.
  Por vezes acontece algo gravíssimo e a massa permanece apática.
  Outras vezes um relevante, mas pequeno acontecimento vira uma bola de neve arrastando multidões.

  Eu até agora não entendi pela lógica as manifestações de 2013.

  Por causa de um necessário aumento de 20 centavos na passagem de ônibus houve todo aquele tumulto.
  A princípio eu pensei que o aumento da passagem tinha sido apenas a gota d’água para insatisfações bem maiores, mas era só isso mesmo, as pessoas apenas queriam que o dinheiro dos impostos subsidiassem ainda mais as passagens de ônibus.
  Não havia nenhuma insatisfação com o governo ou toda corrupção que estava sendo descoberta, tanto que Dilma ficou na frente da corrida presidencial a maior parte do tempo e a possibilidade dela ganhar no primeiro turno era grande.

  Recentemente mais de cem escolas de SP foram ocupadas de uma maneira surpreendente uma vez que o projeto apresentado pelo Governo é muito bom.
  Claro que sempre cabe algum ajuste, mas o projeto no geral melhora muito a eficiência da locação de recursos quanto a utilização dos prédios escolares e distribuição de funcionários.

  “Geraldo faz bem em adiar o projeto sobre melhora da Educação

   TEMOS QUE NOS CONCENTRAR NO IMPEACHMENT.

  Essa garotada não merece o sacrifico político de tornar a escola mais eficiente.

  Paulo Renato sofreu a mesma intolerância.

  O projeto de Geraldo é muito bom otimiza a utilização dos prédios e funcionários.
  Aqui em Campinas isso já acontece.
  Confesso que como tenho duas filhas os horários não coincidiram e eu e minha esposa tínhamos que nos revezar para busca-las, mas as escolas ficaram muito melhores organizadas por faixa etária.
  Exemplo:
  Minha filha Alexia estudou no Geny Rodrigues no primeiro ciclo, depois foi para o Matosinho e agora vai para o Vitor Meirelles.
  Cada uma dessas escolas tem a divisão por ciclos.

  Paulo Renato promoveu introduziu conceitos que permitiram e permitem avaliar nossa qualidade de ensino:

  “Mais tarde como Ministro da Educação – MEC durante oito anos atuou de forma veemente para uma melhor estruturação do MEC. Programas como o Bolsa Escola, a criação do Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM possibilitaram criar condições que hoje permitem muitos jovens ingressar nas Universidades públicas ou mesmo privadas com bolsas parciais e integrais.”

 Mas esse texto não é para analisar o mistério de certas manifestações.
  Vamos meditar sobre as manifestações que nos parecem coerentes/lógicas.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  As manifestações coerentes surgem da indignação, quando a massa tem a percepção que está ocorrendo ou ocorrerá uma grande injustiça.

  Imagine a cena.
  Um motorista perde o controle do carro e atropela pessoas em um ponto de ônibus.
 
a) Ele estava embriagado, isso causa grande indignação, se ele for filho de alguém importante e temos a percepção que sairá da situação impune isso causa grande revolta que pode ser o estopim de uma grande manifestação.

b) Tudo muda de figura se o motorista teve um mal súbito como enfarto ou AVC.
  Não foi intencional, embora seja o mesmo acidente ocorre uma desolação, vamos nos manifestar contra o que?
  Contra o mal súbito do cidadão!

c) Em uma última situação o motorista estava bêbado, a polícia chegou rápido o prendeu em flagrante e sabemos que a pena será dura, se o cidadão tem dinheiro pagará pesadas indenizações.
  Não há motivo para manifestação.

  A meu ver situação “c” é a que ocorre atualmente no Brasil, mas a qualquer momento pode mudar para “a”.
  A situação “b” seria o caso de estarmos sofrendo principalmente por problemas externos o que não é o caso.

  A maioria que está a favor do Impedimento tem mais bom senso.

  Entende que os crimes foram cometidos, mas que as instituições estão funcionando, punindo os indivíduos os quais é conseguido provas.
  O que me faria sair na rua?
  Seria perceber grandes injustiças e impunidade.
  Verificar um aparelhamento do STF ou um isolamento de Sérgio Moro prejudicando a operação Lava Jato.
 
  Eu acho que Lula está envolvido até o pescoço, não daria para um esquema desse tamanho funcionar sem seu conhecimento e aval.
  Lula e PT se fundem na história, são unha e carne.
  A Dilma pode até ser uma “anta”, o dinheiro chegava para sua campanha e ela nem queria saber de onde veio.
  Dilma nem filiada ao PT era.
  Perceba que Dilma é só mais uma “laranja” de Lula, uma pessoa com capacidade limitada, mais fácil de ser manipulada.

  Já foi apurado que Lula foi beneficiado generosamente por palestras e reformas em imóveis.
  Pelo menos dois filhos e um sobrinho tiveram um progresso econômico que desafia qualquer explicação lógica que não envolva maracutaia.

 De qualquer forma, por enquanto o Brasil aos trancos e barrancos está fazendo o que institucionalmente espera-se.
  Estamos acompanhando investigações muito bem conduzidas, envolvidos estão sendo presos.
  Nós pessoas de bom senso não temos o porquê de parar o país piorando ainda mais o quadro que já é difícil.
  Vamos seguindo democraticamente nosso caminho e torcer para que tudo acabe bem.
  Algumas leis tem que mudar, nosso sistema eleitoral tem que passar por correções mas agora não é a hora de fazer isso.
  Vamos pacificamente levando esse processo de impedimento adiante e respeitemos o resultado.
  Se Temer assumir tentamos dar uma partida para tempos mais eficientes já em 2017.
  Senão vamos nos arrastando até 2018 com a Dilma para tentar iniciar alguma mudança em 2019.
  Há em andamento um processo para cassação da chapa Dilma/Temer, embora tudo possa acontecer essa é a situação que menos aposto.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Ouço as pessoas querendo que todos vão para rua.

  Estamos avançados tecnologicamente
  As “ruas” são a INTERNET, é aqui que nos manifestamos.
  Não vejo muito sentido em bloquear a avenida Francisco Glicério aqui em Campinas atrapalhando a vida de milhares de cidadãos, achando que isso vai sensibilizar Eduardo Cunha ou Dilma os fazendo renunciar.

  Qual o objetivo de fechar a Paulista?
  Aparecer na TV!
  Aqui na Internet podemos denunciar as mentiras ditas por qualquer um não só por fanáticos esquerdistas.
  Eu vi um post onde Lula dizia que iria ser presidente em 2018 mesmo que Jesus voltasse.
  É uma farsa, nenhum político em um país cristão diria isso, Lula não seria tão idiota.
  Solicitei a fonte e como sempre acontece nesses casos não apareceu.

  Quando combatemos idiotas devemos tomar cuidado para não nos tornarmos idiotas também.

  Mentiras devem ser combatidas com fatos e não mais mentiras.

  Fora esse debate aberto na Internet é votar melhor, 2016 tem eleições.
  Por favor, quem gosta de se manifestar nas ruas faça isso (dentro da lei).

   Minha manifestação é perseguir a verdade usando as redes sociais.

  Apesar de ainda ter muitos militantes petistas, as “ruas” e “Redes Sociais” querem o impedimento.





 Tive debates interessantes que tem muito a ver com esse texto, fiz alguns complementos:

“E aí coxinha? Curtiu a decisão do supremo de acabar com o golpe??” [Nestor Bouhoris Neto no G+]
▬▬▬▬▬▬▬▬
1 -  O STF decidiu que toda votação deve ser aberta, chega de voto secreto, eu acho isso muito bom.
  Vamos ver se com o voto aberto o Governo tem mais força.
  Eu sempre quis que toda votação fosse aberta, como eleitor eu tenho o direito de saber em quem ou no que o político está votando.
  O voto do eleitor deve ser secreto, mas do representante eleito não.
  Como vou saber se o político está me representando se não sei no que ele está votando?
  Sou a favor do trabalho com carteira assinada a partir de 14 anos (por exemplo) quero votar em políticos que apoiem essa ideia e na hora da votação realmente me representem.

2 – O processo de Impedimento será atrasado, não dá tempo para fazer mais nada esse ano.
  Para a oposição me parece bom, nada indica que a situação econômica vai melhorar o tempo está a nosso favor.
  Toda maquiagem e malabarismo econômico feitos a partir de 2012 com o intuito de ludibriar a população teve seu ápice em 2014.
  Gastaram tudo que podiam e não podiam, por isso a fraude fiscal.
  Quanto mais o tempo passa mais a máscara do populismo cai e as maracutaias vem a tona.

3 – O Senado realmente não pode ficar apenas como um carimbador da decisão dos deputados.
  Eu apenas acho que se tiver um impasse entre as duas casas a decisão deve ser no plenário da câmara dos deputados que tem muito mais representantes.

4 -  Quanto a Renan, se ele for individualmente contra uma vontade generalizada da população seu risco político é enorme sem contar que ele é um dos investigados na Lava Jato.
  Um estopim para mobilizar grandes manifestações seria Renan agir como cúmplice do Governo nessa maracutaia toda que tomamos conhecimento.
  Bilhões em desvios e nossa Presidenta não viu nada, não sabia de nada ... como alguém assim pode permanecer presidente!?

►“Concordo com quase tudo, com ressalvas apenas ao ponto 3, porém o que houve ontem foi gravíssimo!
  A corte mais alta do poder judiciário, que deveria ser a última linha de defesa da nossa Constituição, decidiu por afrontar descaradamente a letra da lei constitucional.” [Thiago no Face]
▬▬▬▬▬▬
  Acredito que isso ocorreu devido o problema Eduardo Cunha.
  É uma situação excepcional.
  INFELIZMENTE o Presidente de Senado é Renan.
  A corte teve que escolher entre dois males o menor.
  Ninguém mais do que eu gostaria que fosse diferente, que tivéssemos um presidente da câmara integro e honesto, mas para sorte do PT temos um Eduardo Cunha.
  Se serve de consolo as coisas poderiam ser pior.
  Quem concorreu à presidência contra Eduardo foi o petista Arlindo Chinaglia, daí que não sairia nada mesmo.

►“Fiz uma comparação entre as constituições do Brasil, EUA, Alemanha, Austrália.
  Entendo porque esses países, exceto o Brasil são países sérios, que se desenvolvem.
  Uma covardia comparar com nosso país. Nossa constituição não tem pé nem cabeça.” [Rubens Garcia no G+]
▬▬▬▬▬
 Foi uma Constituição feita por esquerdistas, não dava para esperar grande coisa.
  Sem dúvida deveria passar por uma grande revisão, mas primeiro nosso povo precisa aprender a votar melhor, isso leva tempo
  Revisar a Constituição com o tipo de Congresso que elegemos, não acho apropriado.
  O jeito é ir se virando com o que temos até que evoluamos como INDIVÍDUOS.

  Lembrei desse texto:

  Se o IDH da Argentina é bem melhor que o do Brasil ajudou bastante os militares deles terem matado muito mais comunistas...HAHAHAHAHAHAAHAHH!

  Provocativo em?

  Claro que não estou defendendo atrocidades, ainda bem que elas não aconteceram no Brasil, mas sem dúvida nenhuma se não tivéssemos tantos esquerdistas na formulação da constituição de 1988, possivelmente teríamos uma carta magna mais eficiente e menos populista.

  Estimasse que os mortos na Ditadura militar no Brasil cheguem a 500.

  Na Argentina estima-se que passou dos 30 mil. 

Anterior          <>        Próximo 

sábado, 12 de dezembro de 2015

George Constanza

 “Eu formo a luz, e crio as trevas; eu faço a paz, e crio o mal; eu, o Senhor, faço todas estas coisas.” [Isaías 45:7]

George - Estou prestes a assinar contrato com uma TV e ganhar muito dinheiro.

Psicóloga - Isso é ótimo George, porque está tão angustiado?

George - Ele não vai deixar!

Psicóloga - Ele quem George?

George - Deus!

Psicóloga - Mas você não acredita em Deus.

George - Para o mal eu acredito!

HAHAAAHAHAHAHAAAHAHAHAHAHAHA!


  Eu me divirto muito com Seinfeld.

  Já assisti todos os episódios, mas de vez em quando revejo algum.
  George Constanza é um dos personagens mais neuróticos que eu já conheci.
  Por vezes eu observo acontecimentos tão surreais no mundo que lembro de diálogos em Seinfeld.

  George é neurótico em acreditar que Deus sempre age de forma a zombar dele.

  Eu me identifico com George nessa neurose, tantas coisas estiveram perto de dar muito certo em minha vida, mas tomaram um rumo decepcionante.
  A impressão não é que “Deus” queira o meu mal, mas só zoar comigo.
  Tipo aquele colega que puxa a cadeira quando você vai sentar ou se esconde atrás de algo para lhe dar um susto.
  Claro que esse tipo de “brincadeira” geralmente é só uma chateação, mas pode ter consequências sérias como você se ferir gravemente.
  Daí o “amigo” diz: -Não tive a intenção de te prejudicar.
  Mas não vou falar dos meus azares, vamos falar do azar dos outros.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Na vida real eu conheço muitos neuróticos que são a antítese de George Constanza.

   Acreditam que Deus sempre está com eles e sempre o melhor acontece; nos momentos mais difíceis Deus os carrega no colo.

  Deus é sempre bom, sempre faz o melhor pra você?
  Isaías nos alerta que não.
  “Deus cria as trevas e o mal.”
 
  Vamos meditar sobre isso.
  Se uma entidade Deus está no controle de tudo... ele está no controle de tudo, isso é óbvio.

   [Antes de prosseguir entenda que não estou julgando ou analisando a entidade Deus, caso ela exista, estou julgando e analisando o que o livro sagrado bíblia fala sobre ele.]

  Eu não concordo com a ideia que os antigos tinham de Deus.
  Defendo que atualmente nós temos que buscar nossa própria compreensão de certos fenômenos.
  A ciência que havia 2000 anos atrás nem se compara ao que temos hoje, o conhecimento dos antigos era muito limitado.
  Não vejo ninguém indo ao hospital querendo que a medicina praticada seja igual a 2 milênios atrás.
  Da mesma forma deveríamos ser mais exigentes com relação as questões espirituais.
  O entendimento dos antigos foi o entendimento dos antigos, vamos manter o que parece coerente e questionar o que parece bizarro.

  Um crente nos fala de um incrível milagre da cura e que devemos adorar a Deus por isso, mas o que fazemos com a ação de Deus em permitir a doença? 

  Se esse “milagre da cura” foi conseguido depois de tratamento hospitalar ... qual foi o milagre mesmo?

  Uma célula em mal funcionamento poderia simplesmente ser eliminada do organismo, sem necessidade de quimioterapia e outros procedimentos.
  Porque Deus criou a célula com essa possiblidade de enlouquecer, se multiplicar descontroladamente e virar tumor cancerígeno!?
  Esse mal que acontece a célula não surgiu ao acaso foi criado por Deus porque ele é o Senhor de todas as coisas.

  Vírus e bactérias malignos foram criações do Diabo?  
  Deus de Abraão dividiu o poder da criação com Lúcifer!?

  A maioria só acredita em Deus para o bem, mas isso não tem fundamento bíblico.
  George Constanza só acredita em Deus para o mal ... George já não parece tão neurótico quanto parecia no início do texto.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Eu vejo o bem e o mal por toda parte, não sei até onde atribuir a Deus, Lúcifer, ao acaso ou a própria pessoa.

  Um senhor me aconselhou a nunca envelhecer, porque a velhice nos traz muitos problemas
  Claro que ele disse isso só para puxar conversa.
  Contou que ganhou a vida como caminhoneiro e poderia continuar trabalhando, mas recentemente sua mulher teve um AVC e está com um lado todo paralisado dependendo dele para tudo.
  Como se não bastasse ele começou a colocar para fora muito sangue o diagnóstico e de diverticulite.

  “-Mas tudo está na mão de Deus e ele sabe o que faz.”

  Que bom que esse senhor tivesse a mesma tolerância com a demora no atendimento do SUS.
  Deus poderia manter ele é a esposa saudáveis, mas não mantém e tudo bem.
  O SUS traz efetivamente alívio a suas dores e o homem só sabia falar mal.
  Não estou falando que o atendimento médico no Brasil é uma maravilha estou apenas mostrando os pesos tão diferentes.
  Deus criou ou permitiu o mal na vida daquele homem e é tudo de bom.
  A Unicamp está tentando reverter os problemas causados e “não está fazendo mais que a obrigação”, deveria ser muito melhor do que é.

  A pessoa não quer só que você a escute ela precisa que você fale alguma coisa então eu falei:

  Você já pensou se não tivesse o SUS para te atender?
  Suas dores intestinais iriam aumentar até leva-lo a morte.
  Sua esposa não teria nenhuma chance de melhora.
  E se você tivesse que pagar por esses tratamentos na sua atual situação econômica?
  [Evitei questionar sua crença em Deus agindo sempre para seu bem.]
 
  O homem concordou comigo, o chato foi ele dizer:
  “-Graças a Deus que tem o SUS.”
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Minha vida está em uma fase tranquila, como a vida daquele senhor um dia esteve antes de chegar o caos.

  Eu não sou pago para ouvir desabafos, mas é inevitável.
  O fato é que encontro por aí pessoas com dificuldades tão grandes na vida.
  A diverticulite se bem tratada não traz muitos transtornos, mas um AVC que paralisa metade do corpo é raro não deixar sequelas.

   Aliás observo que o maior problema que aflige a vida é quando falta saúde.

   Dinheiro e carências afetivas vem logo em seguida.
   No entanto fica mais fácil conseguir dinheiro se você tem saúde e correr atrás do seu amor também.

  Por vezes eu vejo que a vida da pessoa realmente está uma droga, mas ela fica irracionalmente agradecendo a Deus por sua provação.
  Eu não falo nada, não posso falar nada.
  A vida da pessoa está tão ferrada que se ela parasse para pensar chegaria a mesma conclusão de George Constanza, se Deus age de alguma forma na vida dela é só fazendo gol contra.
  Chegar a essa conclusão faria bem a elas?
  Se a pessoa descobre isso relativamente jovem pode ser bom, o indivíduo começa a contar mais com ele mesmo sem esperar ajuda de forças mágicas, aconteceu comigo.
  A constatação que eu não sou um sujeito muito afortunado me fez tomar mais cuidado com minhas decisões.

  Alguém que já fez um casamento muito ruim, foi pouco precavido com dinheiro ou teve por toda vida muitas ilusões sentimentais que levaram a uma grande carência afetiva ...
  Se tirarmos sua neurose que Deus o protege de tudo o resultado pode ser uma depressão profunda.
  Se você adicionar a isso uma doença grave ou muito incomoda, [coisa não rara de acontecer depois de uma certa idade], a crença em um Deus que sempre faz o melhor para você vira aquela morfina indispensável em sua vida.
  Porque chega uma fase da vida que poucas mudanças significativas são possíveis.
  Com 18 anos você tem um mundo de possibilidades, com 50 elas já não são tantas assim.

  Tem pessoas que com muita luta conseguem melhorar de vida e creditam tudo a uma bondade divina, mas se Deus fosse tão bom para elas a luta não precisaria ter sido tão dura.
  Essa é uma pergunta que poucos se arriscam a fazer:

   Pelo que viveu até agora, Deus realmente tem lhe “dado” do bom e do melhor ou tudo não passa de neurose/ilusão?




 Obs:  Deus realmente não deixou George Constanza alcançar o sucesso.
  George foi preso junto com Jerry, Kramer e Elaine.
  O jatinho que o estúdio havia cedido sofreu uma pane e eles tiveram que passar algumas horas em uma cidade do interior.
  Eles viram um gordo sendo assaltado e não fizeram nada.
  Foram enquadrados na lei do “bom samaritano” existente naquele Estado.
  No caso eles deveriam enfrentar o ladrão e não permitir o roubo, como não fizeram nada foram processados.
  [Pena que não podemos processar o Deus de Abraão quando ele fica só observando e não faz nada.]

  O que mais pesou no processo foi o fato deles além de não fazerem nada ainda ficarem zoando o gordo.

  É ou não é a imagem e semelhança de Deus...
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬

  Kramer convence George a fazer um ensaio sensual para atrair uma garota e tudo que consegue é conquistar um gay ... HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH!

Jason Alexander, ator incrível!


Anterior          <>        Próximo 








sábado, 5 de dezembro de 2015

Au, au, au.

  “Então, a emoção humana seria a mesma coisa que a dos irracionais?  [Comentarista no G+]

  Eu observo que os “irracionais” também tem emoções.

  Se emoções vem do cérebro ou do espirito não tenho dados suficientes para afirmar.
  Se animais tem algum tipo de espirito não tenho dados suficientes para afirmar.

  Teve uma cadela na minha infância a qual eu percebia muitos sentimentos.
  Ela apareceu fraca e faminta na calçada da casa da minha vó Tidi que a alimentou.
  Daí como sempre acontece a cachorrinha não saía mais dali.
  Minha prima Érica começou a falar tu fica ou tu vai.
  E o “Tufica” venceu virando o nome da cachorrinha.
  Eu sentia quando ela estava triste ou alegre.
  Sabe aqueles filmes fantasiosos onde a mente de um humano é transferida para um animal?
  A Tufica parecia ter consciência da sua condição de cão, cheguei a comentar com minha mãe que a Tufica queria ser humana, invejava nossa condição.
  É, minha mãe ficou preocupada com minha sanidade mental, ainda mais porque há casos de loucura na família do meu pai.

  Não sei explicar como cheguei a dedução que Tufica queria muito ser mãe.

 Só sei que eu sentia que ela queria muito ter um filhote, não conseguia e isso a deixava triste.
  Certa vez ela engravidou e o filhote morreu depois de algumas horas, vixe, quanta dor eu pude sentir naquele ser.
  A cena mais dolorosa ainda estava por vir.
  Seu filhote havia morrido, mas ela não aceitava.
  Minha vó Tidi se aproximava para pegar o filhote e a Tufica não deixava.
  Depois, como ela estava exausta, acabou dormindo e minha vó fez o que tinha que fazer.
 Tufica ficou deprimida por dias.
  Aqui escrevendo é como se pudesse ouvir seus uivos de dor ecoando em minha mente.
  Mas essa história tem um final feliz.
  Depois de um tempo ela voltou a engravidar e dessa vez nasceu o Dólar, um belo cãozinho que nos fez companhia por anos.
  Tufica ficou muito feliz e eu fiquei feliz por ela ter realizado seu sonho de ser mãe.
  Ela conviveu com o dólar por 2 ou 3 anos e acredito que valeu a pena.

  Há quem diga que animais tem um tipo de “sopro” [Energia Vital] diferente dos humanos.
  O sopro só permanece neles enquanto há condição biológica.
  Claro que isso é uma crença, um ato de Fé.
  Se o sopro se extingue com o cérebro como podemos dizer que esse sopro algum dia existiu?
  Se esse tal sopro se extingue em “animais” e nós somos animais...

  Eu não sou espiritualista baseado em crendices o que me intriga é a subversão da lógica.

  Como dizia meu xará:
  "Há mais mistérios entre o céu e a terra do que a vã filosofia dos homens possa imaginar" [William Shakespeare]



  Estudo Bíblico:

  “Deus prova os homens, para que assim possam ver que são em si mesmos como os animais.
  Porque o que sucede aos filhos dos homens, isso mesmo também sucede aos animais, e lhes sucede a mesma coisa; como morre um, assim morre o outro; e todos têm o mesmo fôlego.
  A vantagem dos homens sobre os animais não é nenhuma, porque todos são vaidade.
  Todos vão para um lugar; todos foram feitos do pó, e todos voltarão ao pó.
  Quem sabe que o fôlego do homem vai para cima, e que o fôlego dos animais vai para baixo da terra?
  Assim que tenho visto que não há coisa melhor do que alegrar-se o homem nas suas obras, porque essa é a sua porção; pois quem o fará voltar para ver o que será depois dele?” [Eclesiastes 3:18-22]

  Essa passagem bíblica eu acho legal porque ela não nos ameaça com a possibilidade de um inferno.
  Ela sugere que as almas “boas” (segundo um critério misterioso de Deus) terão uma sobre vida.
  As que não forem tão boas (dignas) voltarão ao pó.
  Voltar ao pó sem ter mais consciência de nada é como deixar de existir.

  Muito mais sensato que ficar ardendo eternamente no fogo do inferno porque aos olhos de Deus, apesar do meu precioso cérebro, eu não consegui ser melhor que um cachorro... au, au, au.



Anterior          <>        Próximo 

sábado, 28 de novembro de 2015

Percepção e Fatos

A maioria absoluta das pessoas que moram nas favelas tem orgulho do local em que vivem, e não tem vontade de sair nem se o salário dobrasse; 94% dos moradores se declaram felizes – “Um país chamado favela” - [MarinaPinhoni/Exame]

Só 2% concentram metade da riqueza mundial.

  Vamos meditar sobre essas duas informações baseadas em pesquisas confiáveis.
  Comecemos pela concentração de renda.

  Na pratica o rico não fica com 100% de seus bens, eles são usufruídos por toda sociedade.

  Bill Gates tem cerca de 80 Bilhões de dólares, mas uma pequena parte disso é em dinheiro vivo.
  A maior parte de sua fortuna é a Microsoft da qual dependem inúmeros trabalhadores direta e indiretamente.
  Se você usa o Windows na sua casa, trabalho ou lazer está usufruindo um bem “possibilitado” por Bill Gates.
  A fortuna de Gates não caiu do céu, surgiu em função de um bem/serviço prestado a toda sociedade.

  Se não fosse Gates não teríamos computadores?
  Claro que teríamos, Gates não inventou os computadores, desenvolveu um programa.

  Se Gates não tivesse desenvolvido o tal programa nossos computadores não seriam tão eficientes?
  Claro que seriam, muitos indivíduos desenvolviam programas, por algumas razões as quais seria tedioso detalhar o Windows se consolidou mais rápido, caiu no gosto popular.
  Já escrevi inúmeras vezes que competência conta, mas sorte é fundamental.

  Observamos que o cara fica super rico por vontade de Deus (para religiosos), obra do Acaso (para ateus) somado a algum talento artístico e/ou empresarial (serve para religiosos e ateus).

  Veja a lista dos 10 homens mais ricos do Brasil.
  É comida, bebida, Banco e entretenimento.
  Tem algum desses produtos e serviços o qual você não utiliza nem indiretamente?
  Eu não bebo cerveja, mas inegavelmente esse produto movimenta bilhões na indústria e comércio, gera empregos, paga impostos.
  Se você paga 4 reais em uma cerveja saiba que 2,24 são pagamentos dos mais diversos impostos.

  “Temos esse problema da concentração de renda.
   Você tem que saber que concentrar renda é característica de todo sistema econômico que “eu” conheço.
  Em todos os impérios, monarquias, teocracias, nas mais diversas formas de administração sempre ocorreu concentração de renda.
  O que você vê em filmes sobre reis e rainhas cercados de camponeses pobres é bem real.
  Quer falar da Bíblia? Tudo bem.
  Qual a diferença de renda de um Rei Salomão e um camponês de Israel?” [Terapia da Lógica]
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  “Eu só quero é ser feliz,
  Andar tranquilamente na favela onde eu nasci.
  E poder me orgulhar,
  E ter a consciência que o pobre tem seu lugar.”

  O bom da Internet é  que fica fácil divulgar fatos.
  Isso é importante porque a opinião da massa é movida a percepção que nem sempre corresponde aos fatos.

  Quando você vê a foto de um apartamento ou casa do lado de barracos de favela e para completar fala-se em concentração de renda a percepção do problema das favelas parece ser muito maior do que é o problema de fato.

  Vamos ajustar a percepção aos fatos:
  O Brasil tem 200 milhões de habitantes.
  Desses, 12 milhões moram em locais que chamamos de favelas.
  Se você fizer as contas verá que isso corresponde a 6%.
  Você que está lendo esse texto provavelmente está entre os 94% que não moram em favelas e a foto passa a impressão de ricos.
  Sua casa, mesmo modesta, se for colocada perto de um barraco caindo aos pedaços (o tipo de foto que socialistas gostam de colocar) vai parecer uma bela construção.
  Aqui já vai dando para você observar com fatos que essa percepção do Brasil ter poucas casas e apartamentos cercados por um mar de favelas não corresponde à realidade.
  A verdade é que temos um mar de casas e apartamentos e algumas ilhas de favelados.

  Outro fato que você pode observar é que localidades como a Rocinha são consideradas favelas, mas lá há casas mais confortáveis que muitas em bairros comuns e mesmo quando o “barraco” não é confortável ... veja que dado impressionante:

  Mais de 90% dos moradores sentem orgulho da favela em que moram.

  Sugere que estamos vendo problema onde não tem.
  Você que mora em um bairro comum fica cheio de culpa ao olhar para um morador de favela enquanto isso o morador sente orgulho.

  Outra dedução que já vira provocação é

  Se 94% dos brasileiros conseguem um lugar legalizado para morar porque esses 6% que não conseguem são considerados guerreiros, o símbolo do “bom” brasileiro!?
  [Seria mais coerente considera-los incompetentes, mas não vamos exagerar.]

  Por esses dias estava vendo uma reportagem sobre favela e foi impossível não fazer uma análise.
  Não entendo porque eles ao invadirem o terreno não separam em lotes de pelo menos 70 metros quadrados.
  Porque não fazem uma divisão deixando espaço para ruas.
  Porque não deixam um terreno para escola, praça pública, posto de saúde.
  São incapazes de uma organização básica.
  Vão simplesmente fazendo puxadinhos sem critério algum, ao invés de ruas preferem vielas.
  Não sei se é implicância minha, mas conforme a favela vai ficando antiga as paredes de madeira vão sendo substituídas por tijolos, não entendo porque não rebocar as paredes e passar uma tinta!
  O cara não pagou o terreno, muitas vezes rouba luz e água, não paga impostos, já fez o mais caro que é erguer a parede de alvenaria ... porque não aplicar o reboco e pintar!?
  Barracos bem cuidados ficam mal na foto.
  Não despertam o necessário sentimento de culpa na sociedade “burguesa”.

  Eu não cheguei a morar em favela mas a maior parte da minha vida morei em casa de fundos.
  Isso fomentou em mim uma enorme vontade de um dia ter imóvel próprio, um lugar para chamar de meu.
  Nunca tive orgulho de morar em casa de fundo, na maior parte do tempo tive “vergonha light” ... nada exagerado, afinal não era minha culpa se meus pais não tiveram juízo ao menos para conseguir um imóvel próprio.
  Se por motivos que é até difícil imaginar o indivíduo tem orgulho de morar em barracos e casas penduradas no morro ... é mais uma razão para não nos sentirmos tão culpados por essa situação.

   Um prefeito do Rio de Janeiro propôs cercar as favelas com muros, mas a repercussão foi tão negativa que ele deixou o dito pelo não dito.

  Eu defendo que com muro, cerca ou qualquer outra marcação seja estabelecido um limite para as favelas já existentes.

  Algumas favelas por força de alguma lei seriam removidas ou diminuídas, aquelas que estão em área de grande risco ou em mananciais de agua por exemplo.
  Os barracos que estão dentro desse limite levaremos urbanização e não permitiremos que nenhum barraco mais seja construído.
  Se o sonho do indivíduo é morar em barracos que espere surgir vaga entre os já existentes.
  Entendam que gosto é gosto e na medida do possível tem que ser respeitado.
  Imagine que um homem hétero seja sodomizado por outro mais forte, é horrível, o estupro é um crime brutal.
  Mas se é um homossexual transando com o parceiro que escolheu e tem orgulho disso ...
  Esse exemplo parece bizarro, mas tem tudo a ver.
  Respeitar homossexuais e até seu direito de fazer programas não significa que você aprove isso na esquina da sua casa.
  Respeitar um casal de héteros que faça sexo antes do casamento não significa que você os queira ver fazendo isso em praça pública.
  Respeitar o orgulho do cidadão em morar em favelas não significa que queremos ver os barracos avançando sem controle ou que essas ilhas sejam “terras sem leis”.
  Essa lógica entra em sua mente?






  Se você está entre os 92% ... ajuste sua percepção aos fatos e melhore a qualidade do seu VOTO.



Anterior          <>        Próximo 

sábado, 21 de novembro de 2015

Reservas Externas vs Idiotice Interna

Novembro de 2015: 360 Bilhões de Dólares

 Alguém entende porque o PT mantém reservas externas tão altas!?
 
Observem alguns fatos.

1- O aumento das reservas vende, para a comunidade financeira internacional, a imagem de fortalecimento de liquidez interna e dá respaldo para o enfrentamento de crises, como ataques especulativos contra a moeda nacional ou como a crise que atingiu todas as economias mundiais a partir de setembro de 2008.

  Alguém acredita que a "comunidade financeira internacional” não sabe da nossa crise econômica!?

2- Manter esse volume expressivo de reservas, importa em um custo de carregamento alto, pois aumentou a dívida pública em cerca de US$ 24 bilhões no ano passado com a emissão de títulos e o consequente pagamento das taxas de comissão.

  O PT deixa uma dinheirama dessa para o Governo dos Estados Unidos gastar como quiser sem pagar juros!
  Para vocês terem uma idéia o título do tesouro americano paga por volta de 0,25% de juros.
  Para manter essa dinheirama lá o título brasileiro paga 14% de juros, por isso o endividamento.

3- Os juros para crédito de longo prazo aqui estão muito elevados, em média de 12% ao ano, então, é natural que as empresas busquem recursos no exterior, onde a taxa é de 2%.

  Esse buscar “recursos no exterior” entenda como buscar recursos em povos desenvolvidos que tem dinheiro para emprestar.
  São Bancos Americanos e Europeus.
  Observem que não tem nenhum país desenvolvido apontando canhões para nós, nos assaltando.
  Os empresários tem que escolher entre pagar juros de 2% e juros de 12%, a opção é óbvia.
  O problema é que esses empréstimos no exterior são em dólares e se o dólar sobe a dívida sobe junto.
  Imagine que você emprestou 500 mil reais com o dólar a 2 reais.
  O sua dívida com o Banco estrangeiro é de 250 mil dólares.
  Se o dólar sobe para 4 reais sua divida com o Banco estrangeiro continua 250 mil dólares, mas agora você deve 1 Milhão em reais.

  Aqui nas republicas das bananas há uma burrice econômica generalizada, um “povo” burro que elege governantes burros ou corruptos.
  Quando falo povo claro que incluo grandes empresários, eles financiam os políticos que estão aí e suas ideologias arcaicas.
 
 4- Os dólares comprados no mercado aberto pelo BC, para segurar a alta do real, são investidos em títulos americanos - esses ativos ainda são considerados seguros, ou seja, com pouca chance de calote ou prejuízo.

  O risco de calote deveria ser baixo, mas infelizmente não é.
  Os Estados Unidos é um dos países mais endividados do planeta.
  Bill Clinton manteve as contas sob controle.
  Bush em função do atentado de 11 de Setembro entrou em guerra contra o Afeganistão e depois o Iraque estourando as contas públicas, guerras custam muito caro.
  Obama no primeiro mandato sofreu a consequência da crise de 2008 e dos gastos militares.
  Mas e no segundo mandato?
  Obama deveria há muito tempo ter iniciado um controle dos gastos públicos.
  Talvez pelo excesso de eleitores latinos e outros imigrantes os políticos americanos estão optando pelo populismo barato que sempre sai tão caro.
  O dinheiro vem fácil de otários como o Brasil, mas mesmo assim a gastança do Governo Americano visivelmente está fora de controle.

  Antigamente nós devíamos ao FMI e pagávamos quando podíamos.
  Assinávamos acordos de intenções que raramente cumpríamos.
  Diziam que éramos burros.

  Agora deixamos bilhões nos cofres americanos, não temos como exigir nada e eles nos pagam se quiserem (ou puderem), ficamos “espertos” hein!

  Do Obama não dá para esperar mais nada de eficiente.
  Espero que o próximo(a) ocupante da Casa Branca retome a boa prática do equilíbrio fiscal.

  Quanto ao Brasil, buscar um equilíbrio é ainda mais urgente, precisamos melhorar a qualidade do nosso Capitalismo, só assim podemos preparar um futuro melhor.
  Como medida emergencial eu sacaria da poupança aplicada nos USA cerca de 100 bilhões.
  Para que sacrificar mais nosso povo com impostos!?
  260 bilhões são reservas vistosas.
  Se a comunidade financeira verificar que estamos caminhando para o Liberalismo Econômico de certo aplaudirão de pé e choverão investimentos.
  Em poucos anos estaremos no time do primeiro mundo.
  Amém?

  ► Ao fim de junho, o BC tinha 87,4% das reservas brasileiras investidos em títulos, embora não seja especificado pelo governo se em títulos americanos ou de outros países.

  Onde você aposta que estão aplicadas a maior parte das reservas brasileiras:
(  ) Venezuela
(  ) Rússia
(  ) Cuba
(  ) Estados Unidos


Quem acertar ganha essa foto do Pixuleco com a Dilmentira ... HAHHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAH!




Anterior          <>        Próximo