sábado, 25 de julho de 2015

Instituto FHC

  “A fama dos grandes homens devia ser sempre julgada pelos meios que usaram para obtê-la.”
[François La Rochefoucauld]

  Muitas coisas que FHC fez em seu governo eu não concordei na época, mas depois adquirindo mais conhecimento passei a concordar.

  No caso do instituto FHC não concordei e continuo discordando.

  Não vejo sentido em algo desse tipo.
  Como Lula fez questão de não querer ficar por baixo temos também o Instituto Lula.
  Esses institutos são para promover estudos e debates.
  FHC e Lula estão sempre por aí participando de debates e lucrativas palestras claro que é mais fácil eles irem onde o público está e paga para ouvi-los porque então os institutos?

  Dizem que é pra receber políticos e empresários.
  Uma casa espaçosa  não resolveria isso?
  FHC e Lula não tem condição de comprar uma casa espaçosa para receber os amigos e interessados na “sabedoria” de ambos?

  Esses institutos tem um lado muito nefasto servem para achacar empresários.

  Em um país como o nosso em que o Estado interfere demais na economia nenhum empresário quer ficar mal com o governante.
  FHC pediu doações para formar seu instituto, o empresário acaba contribuindo para não ficar mal com um político influente.
  Lembremos que mesmo com o fim do mandato FHC
continua influente em um partido que governa vários Estados.
  No caso de Lula que tem linha direta com a Presidente e é candidato para 2018 o empresariado se sente ainda mais coagido a contribuir.
  Quem vai querer ficar mal com o cara?

  Vamos meditar mais profundamente no caso FHC para depois liga-lo ao caso Lula.

  Fernando Henrique não é mais candidato a nada, sua influência no PSDB é grande, mas não é dele a última palavra.
  Quero dizer que Lula tem muito mais peso nas decisões do PT do que FHC nas decisões do PSDB.
  Na pratica um empresário já não vê justificativa para agradar FHC a ponto de doar milhares a seu instituto.

 Claro que ocupar a Presidência é um feito importante, mas também é uma coisa muito temporal que cabe no canto de algum museu.
  Esses institutos presidências são apenas vaidade. 
  Mas se são bancados com o próprio bolso ou por familiares não vejo problema.
  Essa coisa de serem tão grandiosos e sobreviverem de doações...não tem como ficar bem.

  Com as doações diminuindo [a tendência é praticamente zerar] já ocorreu algo pra lá de imoral.
  A Sabesp doou 500 mil ao instituto FHC.
  Se a Sabesp não tivesse nenhuma ligação com o governo de SP já seria curioso entender porque uma empresa doa tanto a um instituto de palestras e não para caridade ou outra causa mais nobre.
  Com toda essa crise hídrica não deve ser difícil encontrar algum lugar melhor para alocar esses recursos.
  Questionado sobre o que o instituto faria com os 500 mil foram criadas um monte de historinhas como digitalização do acervo.
  Vou dizer o que deduzo para que esse dinheiro será usado.
  Até onde sei o instituto não lucra com nada, sobrevive de doações.
  De certo há gastos com funcionários, manutenção, limpeza, agua, luz, telefone, impostos....
  Se não entra dinheiro e só sai esses 500 mil vão só para ele continuar existindo por mais algum tempo.
  Logo, logo o dinheiro acaba e FHC vai mendigar mais doações ou vai usar sua influência em alguma empresa que pode ser achacada pelo PSDB?

  FHC tem que perceber que a criação desse instituto foi um grande erro e encerrar suas atividades.

  Nada de bom pode sair dali, pelo contrário ações constrangedoras para conseguir dinheiro só mancharão sua história.
  Quer divulgar seus conhecimentos! Use a Internet.
  Meus Blogs não me custam nada além da conta de Internet.

  O instituto Lula segue o mesmo modelo.
  É uma vaidade de Lula que se fosse mantido com o dinheiro dele...tudo bem.
  Mas o empresário é “convidado” a doar e como dizer não a um político tão poderoso?
  É evidente que empresários não são sempre vítimas indefesas, muitos se aproximam justamente para construir uma intimidade e conseguir algum favorecimento.
  Pense no caso daquele empregado “puxa saco”.
  E quando o chefe gosta de ser paparicado, é vaidoso, acaba de fato lhe dando algum favorecimento.
  No caso da política é mais complicado porque o favorecimento acaba saindo do nosso dinheiro dos impostos.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Elvis Presley e Michael Jackson foram fenômenos mundiais, atraíram multidões em vida e também pós morte.
  Um museu ou galeria com seus objetos de uso pessoal atrai um público disposto a pagar.
  Música é uma coisa um tanto eterna e mesmo quem não os conheceu no apogeu ainda podem se emocionar com suas músicas.
  É comum você ver crianças de 5 anos vibrando ao som e dança de Michael.
  No tempo de Elvis ainda não produziamos tão facilmente imagens, mas seu vozeirão esta eternizado em discos.

  Fica fácil entender que Tancredo, Sarney, FHC e Lula definitivamente não tem o mesmo apelo.
  Só nos falta agora um Instituto Dilma... vixe, crendospaitodopoderoso!

  Fiquei sabendo que o Museu do Pelé esta as moscas, só dando prejuízo.
  Eu não vi o Pelé jogar, o primeiro jogador que me lembro de admirar foi Zico e mesmo assim não pagaria ingresso para ver objetos pessoais dele.

  Eu vi Ayrton Senna correr e vibrei muito com suas corridas, mas é um nome que para eu vai se perdendo no tempo, ele morreu há tanto tempo.
  O que Ayrton Senna significa na memória da minha filha que nasceu em 2000? Qual apelo ele pode vir a ter no futuro?
  O Instituto Ayrton tem projetos filantrópicos e a caridade é algo necessário.
  Você pode fazer uma doação ou comprar produto da grife com intuito de ajudar o próximo e não como uma reverência ao corredor de Fórmula 1.

  Você vai doar dinheiro para o Instituto FHC ou Lula porquê?
  O objetivo não é filantrópico.
  Como Presidentes é claro que ficarão para sempre nos livros de histórias do Brasil.
  Mas a tendência é despertarem cada vez menos interesse.
  Getúlio Vargas, Juscelino Kubitschek, Jânio Quadros, João Goulart...são nomes de importantes ex presidentes que eu consigo localizar na história porquê...gosto muito de História.
  Para filosofar com qualidade é importante ter bom conhecimento cientifico e histórico.
  Qualquer jovem que queira ou precise saber [trabalho escolar] sobre Getúlio encontrará farto material na Internet pouquíssimos irão a algum Instituto ou museu atrás desse conhecimento.

  Enfim, Institutos de FHC e Lula são pedras incomodas em nossos sapatos.
  Esses dois poderiam ser menos vaidosos e mais pragmáticos.
  Não temos como obriga-los a encerrar as atividades, mas em nome do bom senso...deveriam fazê-lo.
  “Vista pelos jovens, a vida é um futuro infinitamente longo; vista pelos velhos, um passado muito breve.”

[Arthur Schopenhauer]





Anterior          <>        Próximo

sábado, 18 de julho de 2015

O Dilema da Oposição

  “Porque a oposição não está votando com o Governo temas que ela mesma defendia?” [Comentarista no G+]

  Minha esposa tinha outros pretendentes, depois de meditar bastante preferiu namorar comigo.

  Mas vamos mudar ficcionalmente essa história e talvez entendamos o que se passa com a oposição.
  Imaginem que depois de me conhecer melhor, analisar meu comportamento e propostas, saber da minha intenção em namorar sério... minha esposa se decidisse pelo João.

  (Marina e Aécio fizeram suas propostas, queriam ser Presidentes [casar com o eleitor], apontaram as falhas do governo petista e se ofereceram como opção muito melhor ou “menos ruim”... mas a maioria se decidiu por Dilma.)

  Já que ela se decidiu pelo João e suas propostas só me resta desejar boa sorte ao casal.
 Acontece que o João se mostra bem diferente da “promessa de campanha”, mas não diferente do que todos que acompanham notícias já sabiam.
  Eu recebo a proposta indecente do casal de sustenta-los e cuidar de seus filhos em nome das minhas promessas de campanha!!!
  Sei, sei é muito romântico eu amar tanto uma mulher a ponto de lhe dar todo apoio mesmo ela me desprezando e preferindo ficar com outro, no entanto é raríssimo isso acontecer na vida real.
  Eu não aceitaria isso nunca.

  (É meio surreal esperar que a oposição, mesmo desprezada pela população, agora aceite bancar as medidas impopulares adotadas pelo Governo, medidas que ela até sabe que serão eficazes porque ela as propôs durante a campanha.)

  O casal melhora a proposta insinuando um triângulo amoroso onde eu eventualmente possa conseguir alguns favores sexuais em troca do meu apoio.
  Sei lá, “a fila anda”, prefiro tentar um novo amor uma relação menos complicada e você?
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Em 2013 houve aquelas manifestação contra o quê?

  Eu cheguei a acreditar que era contra a corrupção e incompetência administrativa.
  Mas visivelmente me enganei.
  Tudo não passou de um movimento contra o “necessário” aumento das passagens de ônibus.
  Se fosse uma insatisfação com algo maior a lógica me diz que Dilma nem estaria no segundo turno.
  Hoje Marina ou Aécio estariam na presidência e embora as dificuldades fiscais fossem as mesmas a “governabilidade” seria melhor.
  O MERCADO entenderia que nossa população está cansada de maquiagens fiscais e optou por transparência e responsabilidade com os gastos público.
  Isso se traduz em CONFIANÇA DO INVESTIDOR.

  Hoje os empresários nacionais ou estrangeiros entendem igual eu que nossa cultura ainda tem muito ranço socialista.

  Naquelas manifestações ao que parece queríamos a Estatização dos transportes públicos e usar ônibus de “graça”.

  “O movimento Passe Livre na pratica luta pelo Totalitarismo, os meios de transporte totalmente nas mãos do Estado, o Estado Deus provedor de tudo.
  Sim porque se ônibus é algo tão essencial imagine água, luz, telefonia, Internet, cesta básica, mídia...vamos estatizar tudo, isso deu certo em algum lugar?
 A China é o tal paraíso na Terra?”  [Paraíso na Terra]

  A maioria da população é apaixonada por movimentos de esquerda e como o PT era o partido mais à esquerda foi o preferido.
  Não se esqueçam que durante a maior parte do tempo Dilma ganharia no primeiro turno, isso só mudou com a morte de Eduardo Campos. [Esquerda moderada]
  Quando Marina virou cabeça de chave os eleitores esquerdistas entraram em festa, mais Socialista que a Marina Silva é quase impossível.
  A estratégia de marketing do PT foi muito boa.
  Usando alguma ligação de Marina com o banco Itaú começou a passar ao eleitor que Marina não era tão esquerdista quando Dilma.
  Marina tinha até traído o esquerdismo quando saiu do PT.
  [Diga-se de passagem que a ligação do PT com o Bancão Bradesco é bem intima, mas esquerdistas não olham para o que não querem ver]

  Percebam que é do ineficiente esquerdismo que os brasileiros e boa parte da América Latina gostam.

  O grande erro de Marina foi denunciar o caos que estavam as contas públicas.
  Marina foi punida pelo eleitor por apresentar a realidade.

  A grande surpresa foi Aécio chegar tão perto da vitória; eu credito isso a força da Internet.
  Para o brasileiro Aécio é um playboy de “direita”.
  Se não fosse a Internet acredito que a esquerdista Dilma ficaria com pelo menos 70% dos votos, uma vitória esmagadora.

  Se coloque no lugar de um grande investidor nacional ou estrangeiro que sabe que o que dá certo é o Capitalismo/Liberalismo, mas está diante de uma população e governo sintonizados com o Socialismo.
  Se você investir, investe pouco, com muito cuidado.
  Aproveita apenas alguns nichos favoráveis com financiamentos pra lá de generosos do BNDES.

  Dilma é uma militante Comunista, Lula é um líder populista, se optaram por Joaquim Levy é porque gastaram tudo que podiam [e não podiam] e agora precisam de algum dinheiro em caixa para 2018.

  Nossa população não está clamando por uma oposição ao esquerdismo, está chateada porque não tem mais bens e serviços de “graça”; como se a festa pudesse continuar para sempre e fosse realmente de graça, com o dinheiro caindo do céu.

  Quando a maioria de nossa população desenvolver realmente uma cultura de DIREITA aí sim haverá uma oposição real e uma prosperidade sustentável.

  Muitos não entendem porque estou animado, mas a explicação é bem lógica:

  Para desenvolver essa consciência “direitista” foi ótimo a vitória de Dilma.

  Se Aécio ou Marina estivessem na Presidência não teriam dinheiro para gastar com o populismo, adotariam medidas de austeridade e isso praticamente elegeria Lula em 2018.
  Nós ficaríamos com dois cenários um ruim e outro péssimo.

  Aécio ou Marina fariam o dever de casa e entregariam a economia em boas condições para Lula que mais uma vez faria a festa, tomando para si conquistas do governo anterior, esse seria o cenário ruim.

  O cenário péssimo seria Aécio e Marina não fazerem o dever de casa e entregar ao Lula uma economia tão ineficiente quanto a conduzida por Dilma.
  Como Lula é bom de conversa, mas ruim de administração o Brasil mergulharia em uma depressão por décadas.

  Para fechar esse texto sugerindo uma solução para o momento...
  Contar com o apoio irrestrito da “oposição” para os projetos de Governo que eram dela...é pedir demais.
  É como sua namorada ti dar um pé no traseiro, ficar na gandaia por 3 meses e depois voltar dizendo que está gravida, o filho não é seu, mas em nome da “dignidade e coerência” você vai ter que cuidar.

  Para termos alguma chance de melhora nas contas públicas e por consequência melhora na vida de todos nós precisamos de um PACTO.

  A oposição pode apoiar as medidas necessárias se o PT sair do governo.
  O Impedimento ou renúncia de Dilma possibilitaria esse pacto.

  A melhor coisa que pode acontecer para o futuro do Brasil no momento é o Impedimento de Dilma.
  [Que Lula venha em 2018 e encontre pela primeira vez uma oposição de direita... quem sabe Bolsonaro ou algum outro nome de peso]

Ex-deputado André Vargas é preso em condomínio no norte do Paraná [Globo]

 

  O dilema da oposição é:

  Colabora com o Governo ou deixa que ele colha o que plantou?

 Dilema = Situação difícil, na qual é preciso escolher entre duas alternativas contraditórias, antagônicas ou insatisfatória


Anterior          <>        Próximo 


sábado, 11 de julho de 2015

Insensatez

 “Você não consegue escapar da responsabilidade de amanhã esquivando-se dela hoje.”  [Abraham Lincoln]

  “É próprio da natureza humana, lamentavelmente, sentir necessidade de culpar os outros dos nossos desastres e das nossas desventuras.”
[Luigi Pirandello]

“Em 2000 separei do meu marido, meu salário era minguado.
  Pense num filho te pedindo um pão e você não ter para dar...essa foi minha realidade até meados de 2003.
   Meu ex-marido não pagava pensão porque "eu" não quis receber, entendeu?
  Minha vida só melhorou um ano depois que o Lula venceu.”  [Comentarista no G+]
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Essa é a essência do comentário de uma participante que odiou o Governo FHC e amou o Governo Lula.
  Creio que é muito instrutivo analisarmos esse depoimento.
  Por orgulho ela deixou os filhos passarem fome só para se mostrar independente do marido.
  Tenho duas filhas e nem imagino minha esposa fazendo uma coisa dessas.
  Mesmo que minha esposa não quisesse pegar diretamente meu dinheiro eu de alguma forma daria comida as minhas filhas, necessidade elas não iriam passar, faria a compra do mercado.
  O esposo dessa participante bebia demais [segundo ela], mas trabalhava, podia pagar pensão.
  Fica difícil saber o que FHC ou qualquer outro governante [Governador, Prefeito ou Vereador da época] tem a ver com essa história pessoal.
  A moça namorou e casou com quem quis, se a escolha foi errada porque ela não assume o erro!?
  Suas dificuldades financeiras aconteceram não devido ao Plano Real, mas porque ela dispensou a ajuda do marido que também não fez questão de fazer a parte que lhe cabia.
  Se FHC fosse o pai eu concordo, mas vejam que a moça culpa o Governo por decisões, escolhas pessoais dela.

  Falar que ama os filhos é fácil, agir com amor é outra história.

  As pessoas misturam situações pessoais com eficiência [ou ineficiência] dos governos.

  Minha mãe casou com quem ela quis, o Governo Militar não a obrigou casar com meu pai, minha vó inclusive foi contra.
  Depois de vários anos de um casamento ruim minha mãe separou do meu pai, éramos em 5 filhos, minha irmã mais velha tinha uns 13 anos.
  Minha mãe não foi atrás de pensão, ela queria distância do meu pai, não depender dele para nada.
  Nisso, claro que passávamos necessidades terríveis, minha mãe fazia faxina.
  Meu pai nunca se interessou se comíamos ou não, na cabeça dele minha mãe na miséria pediria para voltar.
  Aconselhada por alguns minha mãe tentou via judicial conseguir pensão, mas meu pai parou de trabalhar só para não ter que pagar.
  Minha mãe não o denunciou, pois ele era violento e coisa pior que passarmos fome poderia acontecer...meu pai matar minha mãe.

   Senhoras e senhores é uma história de infância que não desejo para ninguém, e sei que tem piores.
  Mas me digam: Qual Governo foi responsável por minhas mazelas?

  Você que ainda não tem filhos, pense muito antes de tê-los.
  Depois ficar culpando algum governo militar, psdbista ou petista é tão fácil quanto INEFICIENTE.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  A mulher em questão é honesta e trabalhadeira e com o passar do tempo foi se firmando profissionalmente, os filhos cresceram e a vida melhorou, não sei o que ela credita tanto ao Governo Lula!

  Quando você é jovem e não tem uma família com capacidade financeira para te bancar dignamente, geralmente você passa perrengues, ainda mais quando tem filhos cedo.
  No entanto trabalhando direito, tendo juízo e perseverança, você pode conseguir algum progresso na empresa que trabalha e ter um salário melhor.
  Mesmo como autônomo.
  De ajudante de pedreiro você pode passar a pedreiro.
  Com dificuldade pode concluir algum curso técnico e conseguir uma profissão melhor remunerada.

  Suponhamos que com muita dificuldade você se formou em direito, a grana sempre curta e até algum endividamento.
  Mais uma demora para passar no exame da OAB.
  Mais alguns anos até formar uma boa clientela ou trabalhar em um escritório importante.
  Geralmente com o tempo as coisas vão se firmando.
  Então se hoje você tem uma vida razoável e há 10 anos atrás era de muita dificuldade...são fases da vida.
  Não é que o Governo Lula em 2005 te ferrou e o da Dilma em 2015 é ótimo.
  Em 10 anos você se tornou um profissional melhor, está mais bem posicionado no mercado de trabalho.
  Também pode acontecer o contrário.
  Eu por exemplo, com muita luta estava melhor posicionado no mercado de trabalho em 2003, mas a empresa que eu trabalhava fechou em 2004 e a partir de 2005 minha vida profissional foi para o buraco, culpa de Lula ou azares da minha vida?

  Claro que todos queremos um Governo que administre bem a economia porque quanto mais eficiente ela estiver mais e melhores chances de trabalho nós temos.
  Logo, responsabilizar o Governo por uma má administração da economia é lógico, se não estamos satisfeitos votamos em outros.
  Culpar qualquer Governo por nossas tragédias pessoais... precisa de uma análise mais detalhada, por vezes é pura insensatez.
 
  Tem muita gente que não quer saber de estudar, adquirir conhecimento, quer só aproveitar a juventude e como se não bastasse acha que está fazendo um grande favor a humanidade colocando mais gente no mundo.
  Alguém tem que falar para essa gente que já somos 7 Bilhões, se tem uma coisa que esse planeta não precisa mais é de pessoas.

  Muitos que reclamam do caráter dos políticos deveriam fazer uma auto analise, iriam se surpreender o quanto são moralmente mais falhos que muitos deles.

  [Até onde sei Sarney, Collor, Itamar, FHC, Lula e Dilma cuidaram bem de seus filhos]

  Uma nação desenvolvida se faz com cidadãos ajuizados, bons pais e mães o resto é consequência.


  O cérebro é o órgão mais fantástico do ser humano.
  Ele trabalha 24 horas, 365 dias...até você se apaixonar por alguém ou alguma ideologia, daí ele fica preguiçoso, perde a noção da realidade.
  A paixão é um bom motor de partida, mas a razão é mais eficiente na condução de nossas vidas.

Anterior          &lt;&gt;        Próximo 


sábado, 4 de julho de 2015

Bolsa Faculdade para Ricos

  “Fórum das Seis segue atuando para reajustar o percentual do ICMS repassado às universidades paulistas, congelado há quase 20 anos.” [Jornal do Sindicato]

  Essa chamada de notícia como está estruturada passa a pessoa menos esclarecida uma sensação de tragédia.

  [Eu li a matéria e a sensação de tragédia permanece o que me leva a deduzir que a intenção do jornal sindical foi essa mesma.]

Fórum das Seis - Constituído pela Adunesp, Adunicamp, Adusp, Sintunesp, STU e Sintusp.

Adunesp -  Fundada em 1976, a Adunesp Seção Sindical tem como base os docentes e pesquisadores vinculados à Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – Unesp.

Adunicamp - Criada em 1977, atua como um Sindicato dos funcionários da Unicamp.

Adusp - Associação dos Docentes da Universidade de São Paulo, foi fundada em outubro de 1976.  Articula-se com o movimento social organizado em defesa dos direitos trabalhistas juntamente com a Associação Nacional dos Docentes do Ensino Superior (Andes, hoje sindicato nacional), que nasceu da aglutinação de diversas associações de docentes criadas nos anos 1970.

Sintunesp – Sindicato dos trabalhadores da UNESP.

STU – Sindicato dos trabalhadores da UNICAMP

Sintusp – Sindicato dos trabalhadores da USP

  Se você pesquisar na Internet verá que são basicamente entidades ligadas a ideologia Marxista onde o Estado deve ser provedor de tudo, o famoso Estado Paizão do qual falo tanto.
  A Universidade deve ser gratuita para todos porque a educação é DEVER do Estado.
  Moradia, saúde, segurança, alimentação...tudo é dever do Estado ao indivíduo só cabe nascer e EXIGIR.
  Socialistas não tem nenhuma preocupação de onde virá o dinheiro, essa é uma preocupação do infame Capitalismo.
  Não parece nossos filhos sem noção?

  Minha filha traçou planos para um intercambio no exterior.
  Observei toda empolgação dela, mas sinceramente pensei que fosse algum jogo na Internet ou que ela estivesse estudando para concorrer a uma bolsa de estudo.
  Olhem o que veio a seguir.

  “Pai já decidi o colégio que vou estudar, fica na Inglaterra, custa só 17 mil.”

  Caraca! Não sei de onde minha filha tirou que eu tenho 17 mil para bancar o estudo dela no exterior.
  Eu vou mandar uma garota de 14 anos para Inglaterra, pagar anualmente uma fortuna [em relação aos meus rendimentos] para ela fazer o 2º Grau, não estamos falando nem de ensino superior.
  Claro que sei que isso pode ser maravilhoso para o futuro profissional da minha filha, faria com gosto, lhe providenciaria boas acomodações, visitaria pelo menos 1 vez por mês para verificar como estão as coisas... só tem um pequeno detalhe FALTA DINHEIRO.

  Eu, minha esposa e minha outra filha também temos direito a alguma vida.

  Você que tem filho sabe o que estou falando.
  Minha filha ficou super chateada, como se eu não pagasse sua estadia na Inglaterra por falta de vontade.
  Ela me disse que eu poderia ficar tranquilo que um dia ela iria me pagar tudo de volta...HAHAHAHAHAHAAHAHAH!
  Tudo é tão fácil.
   Minha filha vai para Inglaterra tudo dá absolutamente e maravilhosamente certo, ela fica rica e quem sabe famosa e me reembolsa tudo que eu gastei com ela.
  Minha filha tem mais futuro como líder sindical, exigir o máximo do Estado/Pai e prometer “algum” dia, dar “algum” retorno.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
   “Repasse percentual as universidades paulistas congelado há quase 20 anos.”

  O leitor/eleitor pensa: “que sacanagem, que absurdo, maldito Governo, maldito Governador.”

  A eficiência manipuladora dessa notícia/informação dada pelo sindicato é que não tem mentira nela.
  Então o que leva o leitor a essa emoção negativa além do que seria aceitável?
  Vamos meditar sobre esse enigma.
  O conceito de porcentagem não é bem dominado por todos então o cérebro ignora.
  Na mente do cidadão fica:

  REPASSE A UNIVERSIDADES CONGELADO HÁ QUASE 20 ANOS.

  Como eu conheço bem porcentagem minha análise dessa notícia não provoca nenhuma emoção.
  Porcentagem "congelada" não tem nada a ver com verbas ou repasses congelados.
  Na igreja a porcentagem da sua oferta está congelada há séculos um dízimo é o mesmo que 10%  
  Seu salário sobe a quantidade de dinheiro entregue a igreja sobe.
  Vamos supor que a igreja decida cobrar 11%. ... se você concordar tudo bem.

  O quantidade de recursos que nós enquanto sociedade decidimos repassar as universidades é de 9,5% da arrecadação do ICMS, quase um dizimo entregue as Universidades.
  As universidades tem que se adequar ao que estamos dispostos a ceder do dinheiro dos impostos a elas.
  Em 20 anos a arrecadação do ICMS aumentou e as Universidades receberam a parte que lhes cabe.
  SE INSISTEM EM GASTAR MAIS DO QUE RECEBEM...há uma grande falha administrativa.

  Entenda que cada aluno da USP tem um custo e quem paga essa conta é também você que não fez faculdade e não tem no momento nenhum filho matriculado em universidade pública.

  Eu por exemplo tinha que trabalhar de manhã, a faculdade que eu pude frequentar foi a PUC e pagava uma mensalidade bem alta.
  O aluno da Unicamp ou USP ficaram com parte dos impostos que eu pagava.
  É o dinheiro de TODOS pagando o estudo de poucos e muitos desses poucos nem precisam dessa BOLSA FACULDADE.

  Os sindicatos querem obrigar a todos nós a pagarmos mais, você concorda com isso?

   Porque o sindicato não coloca na pauta que os alunos que podem pagar PAGUEM?
  [A ideologia Socialista prega que a Universidade dever ser gratuita para todos independentemente da situação financeira, é dever do Estado e não se fala mais nisso]

   Porque as universidades brasileiras não fazem parcerias com a iniciativa privada onde possam ganhar algum dinheiro como tantas universidades pelo mundo fazem?
  [No Socialismo empresa privada é abominação, algo que espalha sujeira por onde passa e nossas Universidades não podem ser contaminadas, “educação não é mercadoria” ...não sei porque professores cobram para ensinar!]

  “Na UNICAMP em 2006, a gestão do reitor José Tadeu Jorge enfrentou críticas por parte de segmentos expressivos dos movimentos estudantis e de funcionários, os quais criticam as parcerias feitas entre a Universidade e órgãos privados.
  Segundo eles, essas parcerias gradualmente afastariam a Unicamp de suas funções como universidade pública, tornando-a um instrumento que atendesse as necessidades do mercado.
   A reitoria afirma que essas parcerias são necessárias para aumentar os investimentos, uma vez que as verbas públicas não atendem suficientemente seus objetivos; e aproximar a Unicamp da sociedade, contribuindo para o desenvolvimento econômico e social do Brasil.” [Wikipédia]

  Precisa dizer mais alguma coisa?
 Nós formamos universitários que tem horror ao Mercado, horror ao Capitalismo.
  Se a Nestlé propor uma parceria com a área de nutrição da Unicamp tem pouquíssimas chances de dar certo a não ser que a Nestlé coloque dinheiro na Universidade a fundo perdido, sem esperar absolutamente nada em troca, nem uma faixa de agradecimento... isso seria propaganda da “nojenta” empresa privada.
  Se a Bosch quiser tocar um projeto rentável com os alunos de engenharia, não pode.
  Qualquer coisa que almeje algum LUCRO contamina a Universidade com asquerosos pensamentos Liberais.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
 Por esses dias li um post convidando pessoas a fazer pós graduação em “administração” na USP...HAHAHAHAHAHAHAHA!

  “Um comunicado divulgado pelo reitor Marco Antonio Zago para os professores da Universidade de São Paulo expõe o complicado momento financeiro que a instituição vive nos últimos anos. Seguindo o ritmo do aumento da dívida, a faculdade deverá fechar o ano de 2014 com um déficit de R$ 1 bilhão. O excesso na contratação de funcionários, reestruturação de carreira e aumento com benefícios são apontados como os grandes vilões da USP.”   [Yahoo]

  Quais seriam os tópicos?
  Como produzir pouco e sugar o máximo da sociedade?
  Como ajudar os ricos a estudar de graça?
  Como ignorar as leis de Mercado e tentar implantar o Socialismo?

   Tô fora, melhor fazer um curso a distância em Harvard aprendemos muito mais e ainda melhoramos nosso inglês.
  Eu propus um curso a distância para minha filha, mas ela quer mais é viajar, está certa ela eu é que não tenho dinheiro.

  Você admira esses sindicatos Comunistas e quer pagar as universidades mais que 9,5% do ICMS?
   Está ciente que esse aumento não vai sair do bolso do Governador e de nenhum deputado Estadual VAI SAIR DO SEU BOLSO?
  Está ciente que a Universidade vai gerar só mais um comunistinha anti Mercado?
  Mesmo assim apoia o Fórum das Seis!

  É lamentável, você vai me f#der por tabela.
  Vou fazer de tudo para minha filha entrar em uma Universidade Estadual ou Federal, se lucro eu não vou ter, só me resta diminuir o prejuízo.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  VOCÊ ACHA CERTO “BOLSA ESCOLA PARA RICOS?”
  ESSE É UM BOM USO DO DINHEIRO DOS IMPOSTOS?

   O que você acha de uma família com renda de 10 mil, que só tenha dois filhos e um deles estuda de graça na USP ou UNICAMP?
 Essa bolsa escola para “ricos” é uma “justa contrapartida” para retorno dos impostos?

  [Estou usando a palavra “ricos”, mas claro que é um exagero, a questão aqui é se a família pode pagar alguma coisa ou não pode pagar nada.]

  Vejam bem que esquerdista falam mal dos ricos, mas se recusam a falar de privilégios injustos dado a eles.
  Preferem promover uma luta de classes.

  Porque os estudantes da USP acham justo Universidade gratuita mesmo para quem pode pagar?

   “Levantamento feito pelo G1 com dados divulgados nesta quarta-feira (3) pela Fuvest comparou o perfil dos calouros da USP de acordo com questionário respondido por todos os candidatos no momento da inscrição no vestibular.
O curso de psicologia tem 31,4% de seus calouros de famílias com renda superior a R$ 10,9 mil mensais. O índice é de 30% na engenharia civil de São Carlos, 25% da medicina de Ribeirão Preto e 20% no curso de audiovisual.
  Nelas, há também um número menor de candidatos de baixa renda. Enquanto na universidade, 19,9% dos ingressantes têm renda familiar de até 3 salários-mínimos. Entre os mais desejados, o maior percentual de alunos nessa faixa de renda entrou em jornalismo (16,6%). Na engenharia civil de São Carlos, 5% dos calouros são de família com rendimento de até R$ 2.172.
  Dos 300 calouros de medicina em São Paulo, apenas 6,4% eram de família com renda familiar de até três salários-mínimos.” [G1]

  Na minha opinião no ato da inscrição os dados econômicos da família do aluno deveriam ser considerados.
  Rendimento do pai, da mãe e do próprio aluno caso ele trabalhe.
  Seria desenvolvida uma tabela com 5 estágios de cobrança de acordo com a situação econômica.
  Iria da isenção até o pagamento integral.
  E nada de cotas, estamos em 2015, quem quer estudar estuda.
  O tempo que o pobre fica desperdiçando com piadas e pornografia na Internet que use para fazer simulados, participar de vídeo aulas, montar grupos de estudo...

  Se os sindicatos se preocupam tanto com a “discriminação” dos negros porque não disponibilizam cursos preparatórios para vestibular onde branco não entra.
   Se fosse um curso só para brancos seria racismo, mas salas de reforço só para negros acho que legalmente não teria problema, porque os negros não se organizam nesse sentido, um dando força ao outro.
  Todas essas entidades e ONGs que se preocupam com a educação poderiam criar espaços que atendessem os mais pobres.
  Aulas de reforço para alunos de baixa renda independentemente de cor da pele.
  O que vejo é tenebroso.
  Se a criança ou adolescente não vai bem em uma prova de matemática deveríamos tentar educar melhor a criança, mas preferimos diminuir a qualidade da prova!!!

  NÃO! Não estou falando para esquecermos do Governo, estou falando para não pensarmos em Governo, esperar que um Prefeito, Governador ou Presidente resolva magicamente todos os nossos problemas.



  Enquanto boa parte da população brasileira insistir em ser “criança sem noção” nosso país vai permanecer deitado em berço esplêndido. 



Berry Gordy, para esse eu tiro o chapéu.

 Lembrei agora da Motown, todo mundo dizia que não havia mercado para a música negra, mas o iluminado Berry Gordy reuniu alguns bons artistas e a arte floresceu de maneira espetacular. [Mercado Saturado]

  Respeitando as leis de Mercado todos podemos progredir/evoluir.
  Barry Gordy reuniu negros para juntos melhorarem de classe, respeitando as regras do jogo e não acabando com o jogo.


  Bom mesmo é o respeito que CONQUISTAMOS.







Anterior          <>        Próximo